Conheça a misteriosa história do quadro com o menino chorando
14 de junho de 2018
Os melhores memes da Rússia para os tempos de Copa!
14 de junho de 2018

10 maiores micos fora dos campos na história das Copas do Mundo

A Copa do Mundo é nossa…. Opa… A letra está errada? Isso é mico!!!! hehhehehehehe

Ok, nem é tanto assim, afinal, todo mundo tem o direito de se enganar na letra de música, certo? Mas, em plena Copa do Mundo, qualquer bobagem pode virar um micão daqueles! E olhe que não estamos nos referindo apenas àquele infame 7×1 que é melhor nem lembrar… Tem gente que passou tanta vergonha quanto o Brasil – até porque passar mais parece impossível… Confere só os micos que já rolaram nas Copas do Mundo:


Fernando Vanucci bebum

Na Copa de 2006, o jornalista Fernando Vannuci estaava para lá de alterado em sua participação no programa Bola da Rede. Aparentemente, o apresentador estava bêbado e não demora para começar a falar embaralhado. O resultado é um dos micos das Copas do Mundo mais clássicos de todos!

#VaiPraCasaRenan

Esse é bem recente, da Copa do Mundo FIFA de 2014, aqui no Brasil.Lembram que ocorreram diversas manifestações e protestos durante os jogos, certo? O estudante Renan Baldi, de 16 anos, resolveu cobrir o rosto e se juntar aos black blocks para depredar o patrimônio público. Acontece que o menino foi apanhado pelo pai, que no meio da confusão tirou ele dos protestos, dizendo que o amava, mas que era para ele ir para casa. Nem precisa dizer que o mico do Renan virou meme, certo?

Galvão Bueno x Pelé

Hoje eles se adoram, mas a coisa já foi feia entre eles. Lá na Copa de 1994, Galvão foi flagrado após o final da partida Brasil x Suécia falando mal de Pelé, que havia sido contratado como comentarista. “Só se eu matar ele. Ele mete a mão no microfone, abre e fala. Quem contratou, conversa, pô”, disse ele.

Fernanda Gentil e o ceguinho

Antes de brilhar no Globo Esporte, Fernanda Gentil era da bancada do programa Bom Dia África, no SporTV, isso lá na Copa de 2010. Em um dos programas, ela passou uma vergonha daquelas ao tentar cumprimentar um convidado. O problema é que ele era cego e não tinha como ver que ela estava estendendo a mão para cumprimentá-lo. Ai gente, que mico!!!

A cueca do Datena

Esse foi outro mico daqueles que aconteceu na Copa do Brasil de 2014. O apresentador José Luiz Datena prometeu que ficaria de cueca em rede nacional caso o Brasil perdesse a Copa. O final da história nós já sabemos, e sim, ele cumpriu a promessa…

#CalaaBocaGalvão

Isso é praticamente consenso nacional: ouvir o Galvão Bueno narrando qualquer esporte que seja é um saco. Não é à toa que a hashtag #CalaaBocaGalvão sempre fica entre as mais comentadas desde a Copa do Mundo 2010. A própria Globo tentou tirar sarro da situação e colocar o próprio Galvão para brincar, mas o resultado foi uma vergonha alheia memorável…

Cadê o Tino Marcos?

Estávamos em 2006, plena Copa do Mundo da Alemanha, quando o experiente Tino Marcos passou uma vergonha daquelas ao vivo. Ele simplesmente levou o maior tombo! Ele estava em um caminhão, rodeado de torcedores, quando se desequilibrou e caiu em cima das pessoas! Claro que ele perguntou se alguém tinha se machucado, tentou voltar e se recompor, mas o mico ficou para a história das Copas do Mundo…

A bufada da Patrícia Poeta

Outro mico na cobertura da Copa do Brasil (mais um?!) foi o que Patrícia Poeta passou ao entrar ao vivo no Jornal Nacional… Ela entrou bufando! Teve gente que disse que ela estava de saco cheio de estar ao lado de Galvão Bueno, mas no dia seguinte, William Bonner fez um comentário dizendo que era apenas um exercício vocal. Aham… Sabemos…

A “morte” do pai do jogador da Costa do Marfim

A gente está vendo que, de fato, a Copa do Brasil rendeu muitos micos além do triste 7×1… Quando o hino da Costa do Marfim soou no estádio Mané Garrincha, em Brasília, o jogador Serey Die começou a chorar muito. Logo a mídia inteira noticiou que o pai dele havia morrido horas antes e era esse o motivo do choro. Nem precisa falar que a comoção foi imensa, certo? Acontece que era fake news da boa! O pai de Die morreu há mais de 10 anos e ele falou que chorou ao se lembrar que tudo o que passou para chegar até aquela Copa do Mundo…

O jogador “Nederland”

Adivinha de qual Copa foi esse mico? Pois bem, em 2014, a apresentadora do BandSports, Adriana Reid, se confundiu com o nome dos jogadores e do time da Holanda. Ela leu na camisa Nederland (Holanda, em inglês) e achou que esse era o nome do jogador! “Taí o Nederland, holandês também, um bravo guerreiro”. Para piorar, o tal “Nederland” era apenas o jogador mais famoso da seleção, o ponta-direita Arjen Robben… Eta vergonha!

Viram como nem só de 7×1 vivem os micos das Copas do Mundo? A imprensa faz muito pior!!! Hehehehehehe

Fotos e vídeos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *