Episódios da nova temporada de Black Mirror ganham trailers individuais
22 de maio de 2019
Ao que tudo indica o lenço é a peça hit da temporada
22 de maio de 2019

Brasileiros criam aparelho que ajuda deficientes a moverem a cadeira com sorriso

Em tempos de tecnologias avançadas, nada melhor do que utilizar os benefícios dela a favor de quem mais precisa, certo? Pensando nisso, uma startup brasileira chamada Hoobox resolveu inovar e partir em busca para outros usos da tecnologia de reconhecimento de gestos e reconhecimento facial. Além de criar mecanismos que ajudem em diferentes tipos de tratamentos, a Hoobox acaba de anunciar sua mais nova criação: um aparato que ajuda deficientes a moverem suas cadeiras de rodas com um sorriso.

A pesquisa para o desenvolvimento do acessório começou em 2016. Na época, a Hoobox entrevistou uma série de deficientes e pessoas com doenças degenerativas a fim de desenvolver um produto mais adequado para as reais necessidades deles. Após muita pesquisa e um investimento de 100 mil reais, o projeto enfim saiu do papel.

Com o nome de Wheelie, o novo aparato foi criado para ser acoplado a uma cadeira de rodas elétrica. Sem a necessidade de nenhum tipo de sensor ligado diretamente ao corpo da pessoa, ele funciona de forma bem simples. Uma vez conectado, basta o usuário realizar qualquer um das nove expressões faciais salvas no banco de dados do acessório.

O movimento é captado pelas câmeras e os sensores respondem rapidamente ao comando. O movimento de um beijo faz a cadeira movimentar-se para frente e para trás. Um sorriso a faz andar. erguer a sobrancelha a faz girar para a esquerda. E por aí vai com outras expressões faciais.

Apesar do sucesso, o Wheelie ainda é fabricado somente por encomenda. Atualmente, para adquirir um é preciso entrar em uma lista de espera. A estimativa é que cerca de 700 unidades sejam disponibilizadas para o público brasileiro e outras 300 para veteranos do exército norte-americanos.

Isso que é iniciativa, hein?

Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *