Por que alguns ouviram Yanny e outros, Laurel?
18 de maio de 2018
Vida mais leve – 5 hábitos para não praticar no dia a dia
18 de maio de 2018

Campanha contra Homofobia da Joven Pan não agradou muito…

O Brasil é um dos países do mundo que mais mata LGBTI+. Até o dia 15 de maio deste ano, 153 pessoas foram assassinadas simplesmente por sua orientação sexual. Isso mesmo, 153 seres humanos como qualquer outro perderam suas vidas por causa da homofobia, transfobia, ou, em resumo, LGBTIfobia. No dia 17 de maio, é então celebrado o Dia Mundial de Combate a Homofobia, e a rádio Joven Pan resolveu criar uma campanha para a causa. Mas aparentemente, a aposta deu muito errado…

Em sua conta no Twitter, a rádio lançou uma campanha que, de forma bem resumida, pode ser explicada assim: “se você fosse a próxima vítima da homofobia no Brasil, que música você gostaria de ouvir? Responda com a tag #minhaultimamusica”.

Achou algo estranho? Pois é, a coisa não agradou muito não. Afinal, quem quer morrer para poder ouvir uma música? As pessoas querem é não morrer, afinal, orientação sexual é de cada um e ninguém tem nada a ver com isso, certo?

Na internet, nem todo mundo entendeu o recado, ou preferiu reagir de outro jeito. Algumas pessoas usaram a tag para compartilhar mensagens de respeito aos LGBTI+:

 

Mas a reação maior foi de indignação mesmo. Afinal, a campanha não foi lá das melhores…

 

 

 

 

 

E aí, o que achou disso de #minhaultimamusica?

Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *