Brasileiro tem consciência de que desperdiça água
4 de julho de 2012
4 expressões que os homens fazem durante o orgasmo!
5 de julho de 2012

Comissão do Senado aprova processo de cassação de Demóstenes Torres

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou hoje (04), por unanimidade, a constitucionalidade do pedido de cassação do mandato do senador Demóstenes Torres (sem partido-GO). A votação ocorreu de forma nominal e aberta com 22 votos favoráveis ao parecer do relator, senador Pedro Taques (PDT-MT). O processo de Demóstenes agora vai para o plenário da Casa, em julgamento que está marcado para a próxima quarta-feira (11).

No relatório de 28 páginas, Pedro Taques alegou que todos os ritos constitucionais, inclusive o que garante a ampla defesa do senador Demóstenes, foram respeitados durante o processo no Conselho de Ética do Senado. Demostenes não compareceu a sessão na CCJ.

Ontem (3), no Senado, para um plenário praticamente vazio Demóstenes disse que as ações desenvolvidas pela Polícia Federal e pela imprensa tornaram-se uma “máquina de moer reputação” da qual ele foi vítima. “Reafirmo a todos que sou inocente e que o tempo provará isso”, reafirmou o senador.

A votação no plenário do Senado é secreta. Para que o mandato do senador seja cassado são necessários 41 dos 81 votos dos senadores. Demóstenes Torres é suspeito de manter relações estreitas com o empresário goiano Carlos Augusto de Almeida Ramos, o Carlinhos Cachoeira, preso desde o dia 29 de fevereiro, acusado de ser chefe de um esquema de jogos ilegais e tráfico de influência que contava com a participação de políticos e empresários.

 

Foto: reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *