Cinco ideias criativas para criar mosaicos com pratos quebrados
10 de junho de 2015
Prefeitura intensifica fiscalização da limpeza urbana de Fortaleza
10 de junho de 2015

Crianças brasileiras costumam explorar pouco a natureza

É durante a infância que a personalidade da gente se constrói. É a fase da vida em que as descobertas e aprendizados estão mais presentes e o fascínio despertado pela natureza não deve ficar de fora.

Em 2009, a Children & Nature Network divulgou um documento com pesquisas realizadas em todo o mundo, no qual revela dados como a diminuição do tempo que as crianças costumam levar brincando fora de casa e o aumento do tempo em que elas se dedicam às mídias eletrônicas, como videogames e jogos online. Uma das pesquisas colocou o Brasil entre os três países onde as crianças costumam explorar a natureza com menos frequência. Aqui, elas passam cerca de cinco horas por dia na frente da TV ou do computador.

natureza 2O estudo também apresentou os benefícios da interação das crianças com a natureza, proporcionando o desenvolvimento de sentimentos como o de liberdade e a oportunidade de brincarem com materiais não estruturados. “O contato da criança com a natureza faz com que ela desenvolva a ideia de que também pertence e está conectada a ela”, esclarece a educadora ambiental Rafaela Aparecida da Silva.

De acordo com a psicologia, essa é uma ótima forma de promover o desenvolvimento cognitivo e psicológico infantil, além do estímulo à criatividade e cooperação em grupo. Em alguns casos, não é necessário nem sair de casa, basta o quintal ou o jardim para a criança ir explorando a variedade de seres vivos que existe, como insetos, árvores e plantas. Praças e parques também são uma ótima forma de ensinar aos pequenos sobre biodiversidade e a importância do meio ambiente.

Há várias formas de aproximar a criança da natureza de forma descontraída e criativa. O No Pátio apresenta para vocês agora quatro sugestões para transformar essa experiência em um momento especial. Vamos conferir?

natureza 31- Cultive uma mini-horta ou plante uma árvore.

Com isso a criança entenderá o ciclo da natureza e como o ser humano depende dela.

2- Faça passeios em dias chuvosos.

Será uma divertida forma de ensinar o quanto as plantas e os animais dependem da chuva para sobreviver.

3- Estimule desenhos sobre o que foi visto na natureza.

Isso tornará a experiência mais agradável e ajudará a fixar na memória dela o que foi visto.

4- Crie brincadeiras e passeios pela natureza.

Assim, os pequenos ficarão mais atentos a todos os elementos que os rodeiam.

E aí? Curtiu as dicas? Vale a pena usá-las e investir um pouco do seu tempo para colocar os pequenos mais em contato com a natureza. Os benefícios são incontáveis!

 

Fotos: Reprodução.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *