Diversidade e pluralidade na Feira da Música 2019
11 de fevereiro de 2019
Brasileiro usa pneus velhos para fazer camas para animais
11 de fevereiro de 2019

Descubra sete alimentos que ajudam a memória!

Sabe o bloco de anotações ou a sua agenda? Que tal deixá-los descansar um pouco e investir na sua memória? Bom, se você não consegue sair de casa sem nenhum dos dois itens citados anteriormente, pois esquece de compromissos facilmente, a equipe do Hype compartilha com você, sete alimentos ótimos para a memória. Portanto, desliza e saiba mais!

1.Prebióticos

De acordo com uma pesquisa realizada por cientistas da Universidade de Oxford, em 2016, o consumo de prebióticos auxilia na conexão do sistema nervoso e a mucosa intestinal. Os prebióticos são carboidratos, fibras e sacarídeos não digeríveis, que dão uma mãozinha na proliferação dos microorganismos intestinais, oferecendo uma nova maneira de mudar o ecossistema entérico. É importante ressaltar que os prebióticos são diferentes dos probióticos, bactérias para o intestino recuperar a flora da região. Alimentos fibrosos, como rúcula, feijão preto e framboesa, carboidratos complexos e laticínios são fonte de prebióticos.

2.Beterraba

Por ser rica em nitrato, a beterraba auxilia na circulação do sangue. De acordo com um estudo publicado no periódico acadêmico Nutrition, em 2017, o alimento melhora a performance atlética. Além desse benefício, o óxido nítrico (NO) encontrado na raiz ajuda nas trocas gasosas entre as células, na biogênese, no fortalecimento da contração muscular e na eficiência mitocondrial. A recomendação é que você consuma o alimentos cru ou batido em sucos, em que podem ser acrescentados outros alimentos nutritivos.

3.Tutano ou caldo de osso

O caldo gelatinoso presente na cavidade interna dos ossos é chamado de tutano ou medula óssea e esse alimentos era bastante consumido pelos nossos antepassados, pois faziam bastante caldos a partir de ossos, partes não comestíveis dos animais. Invista no tutano para um bom desenvolvimento da memória.

4.Cúrcuma

O açafrão-da-terra possui propriedades anti-inflamatórias e nutrientes liposolúveis, o que auxilia na circulação sanguínea, fazendo com que o fluído chegue em ótimo estado até o cérebro. Consumir cúrcuma com gordura na Índia é quase uma tradição.

5.Nozes

As nozes são ricas em ômega-3, vitaminas, minerais, ácidos graxos e fenóis nutrientes fundamentais para o bom funcionamento do cérebro e das funções cognitivas. A castanha, por exemplo, é anti-inflamatória e possui antioxidantes, que agem no combate aos radicais livres. E quando se trata do ômega-3, ele está relacionado diretamente a formação das células cerebrais, pois constrói membranas para o melhor funcionamento dos neurotransmissores. Além disso, a substância ajuda no fluxo do sangue.

6.Chá verde

O chá verde é famoso por dar energia e colaborar na limpeza do organismo, mas também é um ótimo aliado quando se trata do bem-estar do cérebro. Pois ajuda o sistema nervoso a transmitir impulsos para diversas áreas do órgão.

7.Ovos

O ovo é rico em proteínas, gorduras boas e auxilia no bom funcionamento dos neurotransmissores. Segundo uma pesquisa publicada no Jornal da Evolução Humana, em 2017, os fatores cognitivos também são influenciados por ingerir ovos. Ou seja, há uma melhora significativa quanto a oralidade, lógica e memória.

Segunda-feira é sempre um bom dia para aderir novos hábitos. Então, que tal acrescentar esses alimentos nas suas refeições hoje mesmo?!

Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *