Últimos dias de inscrição para professores da Vila das Artes
23 de fevereiro de 2021
Conheça 7 doenças que se manifestam pela boca e aprenda a identificar sintomas!
23 de fevereiro de 2021

Dragão do Mar segue com série artística ao longo da semana

Young man using laptop at home

Dando continuidade ao ciclo programático “Atos de Liberdade: caminho se faz ao andar”, o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura traz nova leva de apresentações, reunindo performances de 7 artistas de diferentes linguagens.

Na quarta-feira (24), às 20h, no YouTube do Dragão, ‘Na trincheira’, o poeta Edivaldo Ferrer narra uma guerrilha ideológica onde os combatentes se unem e lançam mão de todos os recursos de que dispõem para resistirem bravamente, apesar de suas diferenças. Depois, às 20h12, no IGTV do Dragão, o multiartista Chico Henrique performa, em ‘Germinado’, um ser místico com traços indígenas e xamânicos, que planta no sertão e vê brotar a cultura do povo nordestino.

Finalizando a programação do Atos de Liberdade, na sexta-feira (26), a atriz e produtora cultural Silvianne Lima apresenta ‘palavra-alma’, a partir das 20h, no YouTube do Dragão. Inspirada na conjuntura de crise sociopolítica brasileira, a artista faz um experimento solo de vídeo a partir da adaptação do texto “O Golpe e os Golpeados”, da jornalista, escritora e documentarista Eliane Brum.

Neste mesmo dia, às 20h15, a artista cênica e professora Andreia Pires apresenta ‘Repartição’, solo que faz uma espécie de mapa de movimentos pela cidade de Fortaleza, um rápido suspiro para notar as camadas de uma sociedade desigual e dinâmica, desatenta e forte. Fechando o bloco de apresentações do dia e encerrando a série de exibições do ciclo virtual “Atos de Liberdade”, o bailarino Gerson Moreno apresenta ‘Solo de Muites’, a partir das 20h30.

Acompanhe no Youtube do Dragão do Mar (youtube.com/dragaodomarcentro) e IGTV do Dragão do Mar (@dragaodomar)
Mais informações sobre as atrações da série podem ser conferidas no site do Dragão do Mar (www.dragaodomar.org.br).

Fotos: Reprodução / Fonte: Secult

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *