Dica do dia – Polos masculinas For All na WLF do OFF Outlet!
6 de março de 2018
Exposição /Simultâneos/ no Museu de Arte Contemporânea
7 de março de 2018

Para fortalecer o uso de espaços públicos, o Festival Alberto Nepomuceno traz de 10 a 18 de março programações gratuitas para todas as idades. Confira abaixo as atrações que abrem a sétima edição em Canoa Quebrada.

O Projeto Long Play da DJ Renatinha abre o FAN 2018 em Canoa Quebrada, na Biblioteca Comunitária Eulina Freire dos Santos, sexta, dia 16, às 17h, e promove o encontro de três gerações de DJs de Canoa Quebrada. “Convidamos os primeiros DJs de forró e reggae, Vianez e Tiadai”, diz Renata Onofre, da direção do Festival. Na roda de DJs: Silas Rockers, Vinton Records, Buchecha, Caio Chocolate e Marcos Drums.

Às 18h, na série Cidade Portátil o FAN apresenta “Labirinto Canoa: siga o fio das labirinteiras” com rotas de passeios que sugerem apreciar o lugar a partir de saberes, como o das labirinteiras e de aristas como Niciano e Mauro Oceans, Stefano Libertini e Ricardo Keferaus, do Projeto Canoa em Cores. Em seguida, às 19h, “Villa-Lobos para Criança”. Um espetáculo do grupo A Pessoa Bob na releitura da obra “Cirandinhas para Piano” do compositor brasileiro Heitor Villa-Lobos. A orquestração definida pelo trio tem como intuito intensificar o traço lúdico da obra, em doze peças com divertidas referências a cantigas populares do universo infantil, que o grupo não só diversifica na instrumentação, como inclui um pequeno metalofone e um Casiotone, clássico mini-teclado amador dos anos 80.

Às 20h,“A História do Tango”: concerto do argentino Alejandro Rodriguez no FAN Intercâmbios Internacionais. Alejandro é criador da orquestra No Método, integrante da orquestra Típica LaVidú, compositor e arranjador. A programação em Canoa Quebrada encerra-se com o lançamento do selo Andorinhas da Rede Comunitária da PrimeiraInfância.

O Festival Alberto Nepomuceno é uma realização da Vagalume Produção Cultural e Comunicação. O FAN 2018 agradece à ENEL econta com apoio institucional do Centro Dragão do Mar, Museu da Fotografia de Fortaleza, Livraria Cultura, Faculdade do Vale do Jaguaribe, Casas Flor de Lys e Prefeitura de Aquiraz.

Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *