Companhia Teatral Acontece abre inscrições para Oficina de Palhaçaria
21 de março de 2016
Dicas para deixar sua casa em clima de Páscoa
21 de março de 2016

Um dia de conscientização e serviços para proteção do meio ambiente! Assim foi este domingo (20), com ações em comemoração à Festa Anual das Árvores, no Parque do Cocó, em Fortaleza! O governador Camilo Santana, acompanhado do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio e do secretário de Meio Ambiente do Ceará, Artur Bruno, anunciou também um pacote de ações, levando melhorias para a maior área verde de preservação daCapital, como o Plano Estadual de Florestamento e Reflorestamento, que faz parte do Programa “Ceará Mais Verde”, promovido pelo Governo do Estado.

“Aproveitamos a Festa Anual das Árvores para entregar algumas melhorias que foram feitas no Parque do Cocó, como: acessibilidade, anfiteatro, trilhas reformadas, iluminação, reestruturação do arvorismo, entre outros. E estamos finalizando a regulamentação do Parque, ajustando e complementando as questões técnicas e jurídicas para que possamos fazer tudo com muita zelo e responsabilidade”, destacou o governador Camilo Santana depois de caminhar pelo parque e participar de ações como a plantação de mudas. O governador também percorreu 1,3 km de trilha do Parque e inaugurou o retorno da navegabilidade do Rio Cocó, saindo da ponte da Avenida Sebastião de Abreu até a Av. Engenheiro Santana Júnior.

parque do cocó nopatio4

Segundo o secretário do Meio Ambiente, Artur Bruno, as ações trazem o poder público para a corresponsabilidade na preservação ao meio ambiente nativo do Estado. “Estamos lançando um grande programa de educação ambiental para que as pessoas possam cada vez mais estimular o convívio com a nossafauna e flora nativas do Estado. Nossa meta com a adesão do Plano é, para este ano, reflorestar 80 mil árvores, além de recuperar e reconstruir viveiros para que possamos ter mudas na Capital e no Interior. Reflorestar significa vida. Quanto mais florestas, mais água, mais os solos permanecem férteis, mais oxigênio”, ressaltou.

A mobilização ambiental reuniu diversos órgãos para promover serviços de conscientização, atividades esportivas e lúdicas chamando atenção de adultos e crianças. Para o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, a atenção dada ao Parque ajuda na preservação dos espaços verdes da Capital, trazendo conscientização de convivência da população com o meio ambiente. “O Parque do Cocó é o pulmão da nossa Capital e do Estado. Por essa razão, nós como uns dos parceiros do Estado, temos o grande esforço para que possamos preservar todo este espaço. Ficamos muito felizes em estarmos juntos com as diversas ações e inaugurações, já no primeiro semestre deste ano, dando uma solução, definitivamente, a expectativa da população de Fortaleza. Acho que o olhar voltado para o Parque do Cocó é muito importante e, assim, seja mais preservado e utilizado por todos que os visitam. aponta.

Na ocasião, foram assinados também o projeto de lei que prevê a criação do Programa de Valorização das Espécies Vegetais Nativas, além de dois acordos de cooperação técnica entre a Secretaria do Meio Ambiente (SEMA), a Federação do Comércio de Bens, Serviço e Turismo do Estado do Ceará (Fecomércio-CE) e a Federação das Indústrias do Estado do Ceará.

Estiveram presentes ainda o chefe de gabinete do governador, Élcio Batista; o secretário de Justiça do Ceará, Hélio Leitão; e a secretária de Meio Ambiente de Fortaleza, Águeda Muniz. Além do assessor Especial de Acolhimento aos Movimentos Sociais, Acrísio Sena; e do coordenador do Comitê Estadual de Enfrentamento ao Mosquito Aedes aegypti Moacir Tavares.

parque do cocó nopatio3

Equipamentos inaugurados

Foram inaugurados 11 novos equipamentos no Parque Estadual, inclusive o retorno da navegabilidade pelo rio. Entre as reformas, estão o novo calçadão do Parque do Cocó, com 1.200 metros, contando agora com sinalização e iluminação para caminhadas e cooper; o Cine Cocó, com 80 lugares voltados para palestras, encontros e simpósios sobre educação ambiental; rampa de acessibilidade com 200 metros de piso podotátil para cadeirantes e deficientes visuais; trilhas e pontes revitalizadas com sinalização educativa e informativa para os usuários, além das principais árvores nativas e exótica identificadas em pedras cariri; parquinho voltado para público menor de 12 anos; além da inauguração dos passeios de barcos, saindo da ponte da Avenida Sebastião de Abreu até a Avenida Engenheiro Santana Júnior.

parque do cocó nopatio1

Festa Anual das Árvores

A Festa Anual das Árvores é realizada anualmente na última semana do mês de março, coincidindo com o período chuvoso no Nordeste. A festa acontece em parceria com os municípios cearenses, ONG’s, universidades, escolas e entidades privadas. Na ocasião são realizadas diversas atividades em todo o estado com o objetivo de conscientizar e sensibilizar a população sobre a importância das árvores para o equilíbrio da vida no planeta. Este ano, além de Fortaleza, outros 44 municípios realizam o evento em parceria com a Secretaria do Meio Ambiente.

A cada ano é escolhido um tema para direcionar os trabalhos da Festa Anual das Árvores que neste ano, reforça a necessidade de preservação da Mata Ciliar. A edição deste ano foi feita em parceria com a Superintendência Estadual do Ambiente (Semace), Companhia de Água e Esgoto do Estado do Ceará (Cagece), Prefeitura de Fortaleza, Embaixada Mundial dos Ativistas pela Paz e Incra.

Projeto de Reflorestamento

O Projeto de Florestamento e Reflorestamento vai abranger áreas no entorno das nascentes, da mata ciliar e de topos de morros (APPs), localizados nas bacias hidrográficas do Estado. As primeiras localidades contempladas serão o rio Cocó (Região Metropolitana de Fortaleza), açude Pacoti-Riachão e riacho Ipuçaba (Ipu), rio Pacoti (Serra de Baturité) e açude São José II (Piquet Carneiro).

parque do cocó nopatio2

Sobre o Parque Ecológico do Rio Cocó

Com uma área de 1155 hectares, o Parque Ecológico do Rio Cocó é coberto por uma extensa área de conservação da fauna e flora do mangue cearense, localizado em uma das maiores urbes da Capital, no bairro Papicu. Atualmente, o equipamento público possui três trilhas em funcionamento, totalizando 2km de extensão, dispostos em um grande manguezal, bosques e árvores centenárias

 

 

Fotos: Reprodução – Carlos Gibaja / Governo do Ceará

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *