Parceria entre Sebrae e grupo M. Dias Branco beneficia negócios transformadores de farinha de trigo
10 de abril de 2017
Superintendente do Sebrae Ceará fala sobre inovação e sustentabilidade pela ótica do design
10 de abril de 2017

Segundo a Organização Mundial da Saúde, as principais causas de cegueira no Brasil são catarata, glaucoma, retinopatia diabética, cegueira infantil e degeneração macular. Em nosso país, são mais de seis milhões de pessoas com alguma deficiência visual.

Até o século 19, pessoas com esse tipo de deficiência não tinham acesso à leitura e ficavam confinadas em sua própria casa ou internadas em asilos para pessoas com problemas mentais. Mas, graças ao jovem francês Louis Braille, que perdeu sua visão aos três anos de idade e na vida adulta inventou um sistema de leitura especial – contribuindo para a formação e inclusão de milhões de pessoas pelo mundo, as pessoas cegas passaram a ter acesso ao conhecimento, à cultura, ao lazer, à informação.

E agora é a vez de deficientes visuais do Ceará serem contemplados com livros em Braile e, desse modo, expandirem a própria consciência através da leitura.

Para formalizar a ação, o presidente do Instituto de Estudos e Pesquisas sobre o Desenvolvimento do Estado do Ceará (Inesp), George Valentim, recebeu, na manhã da última quarta-feira (05), na Assembleia Legislativa, representantes de associações que trabalham com pessoas com deficiência visual. Na oportunidade, foi feita a entrega de títulos em Braille publicados pelo Instituto e discutida a formação de uma parceria com as entidades com vistas à edição de material gráfico em Braille, de forma a atender as demandas das instituições.

→ Saiba mais

O Braille é um sistema de leitura em que os caracteres de um alfabeto convencional se indicam por pontos em alto relevo, e as pessoas com deficiência visual os distinguem por meio do tato.

As publicações são impressas na própria gráfica do Instituto, que conta com uma impressora Braille, e têm a contribuição de dois técnicos, deficientes visuais, responsáveis por todo o processo de transcrição e formatação da obra, que ao final é encaminhada para impressão e acabamento.

Estatuto da Criança e do Adolescente, Estatuto do Desarmamento, Estatuto dos Funcionários Públicos e Civis do Estado do Ceará, Estatuto do Idoso, Guia Cultural de Fortaleza, Lei Maria da Penha, Cordel Lei Maria da Penha e Nova Ortografia da Língua Portuguesa são algumas das publicações disponibilizadas pelo Inesp, gratuitamente, na versão em Braille.

 

 

 

Fotos:Reprodução.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *