Rugas – 7 dicas incríveis para amenizá-las e preveni-las
8 de janeiro de 2018
Volta às Aulas – 8 dicas para economizar nas compras!
8 de janeiro de 2018

Jovem pede R$50 emprestado a vó e hoje é milionário no Rio de Janeiro

Em tempos de crise, todo mundo precisa se virar nos 30 para conseguir lidar com as contas que insistem em chegar. Começo de ano então, é aquela loucura para muita gente. IPTU, IPVA, matrícula dos filhos, material escolar… Ufa! Os gastos de começo de ano parecem não ter fim!

E foi em meio a uma crise, em 2009, que Rapha, no Rio de Janeiro, resolveu empreender e partir em busca de algum dinheiro. O jovem, então com 19 anos, queria conhecer a Bahia com os amigos e a namorada. Para levantar fundos e realizar a empreitada, ele pediu R$50 emprestados à sua avó. Com o dinheiro, Rapha comprou um isopor pequeno, canetinhas, durex, cartolina e os ingredientes para fazer oito hambúrgueres vegetarianos. Na cara e na coragem, lá foi ele para as praias cariocas vender seu produto. Ele chamou o sanduíche de hareburger e ia pelas areias, chapéu na cabeça, flautinha na mãe e muita simpatia para distribuir enquanto corria atrás de seu sonho.

Logo ele vendou os oito e fez mais. E assim, dia a dia, o número de hareburgers vendidos ia aumentando. Enfim, Rapha conseguiu o dinheiro e viajou para a Bahia. Na volta, ele sentiu que poderia fazer mais e resolveu investir de vez nos seus hareburgers.

O sucesso foi tamanho que Rapha acabou largando a faculdade para se dedicar aos seus hareburgers. Para não deixar seu negócio morrer na praia – literalmente – o jovem ousou e abriu sua primeira lanchonete, especializada no hamburger vegetariano.

O sanduíche conquistou o coração dos cariocas – vegetarianos e carnívoros. Hoje, passados quase dez anos da viagem à Bahia que motivou tudo isso, Rapha já possui dez lojas fixas do Hareburguer na cidade maravilhosa. Além do sanduíche, o cliente também pode combinar o hambúrguer com uma das várias saladas que a casa oferece ou, ainda, comer como se fosse um petisco. São várias opções de sabores e molhos para combinar.

Hoje, seu faturamento mensal chega a 1,9 milhões de reais. E para quem sonha em empreender, Rapha deixa a dica: ““não pode desistir fácil. É preciso ter dedicação e força de vontade acima de tudo. É importante também oferecer algo diferenciado, alguma coisa que venha do futuro. Ter pessoas boas com você e sócios certos também ajuda muito.”

Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *