Receita do dia – Pavê de chocolate fácil e delicioso!
14 de setembro de 2018
5 filmes para assistir no primeiro encontro
14 de setembro de 2018

Museu bizarro exibe bonecos de ventríloquos que já morreram

Aqui entre a gente: você também acha ventriloquismo algo um tanto quanto assustador? Aquele boneco mexendo a boca, “falando”, enquanto seu manipulador faz aquela voz aparecer mexendo o mínimo possível o rosto… Como se o boneco ganhasse vida… Sei lá, é legal, mas ao mesmo tempo, assustador, não acham?

Agora imaginem um local que reunisse vários desses bonecos, mas com um detalhe: todos eles pertenceram a ventríloquos que já faleceram. O resultado só poderia ser um museu bizarro! E é exatamente isso que vamos mostrar…

O Museu de Ventriloquismo Vent Haven foi inaugurado nos anos 1970, no estado de Connecticut, Estados Unidos. No começo, ele reunia apenas a coleção de fundador da Irmandade dos Ventríloquos. Porém, com o tempo seu acervo foi aumentando e hoje reúne mais de 900 itens.

Gente, por que fazer bonecos com rostos tão esquisitos assim? Que medo!!! Pois bem, como já falamos anteriormente, o mais curioso é que todos os itens deste museu bizarro pertencem a profissionais que já faleceram. E é justamente esse detalhe o que dá um tom ainda mais macabro e tenebroso aos bonecos. E detalhe: ao visitar o espaço, que se parece com um teatro, é o visitante que fica no palco, enquanto os bonecos ficam nas cadeiras ocupando todos os espaços possíveis. Ou seja, é como se eles fossem a plateia.

Não é todo mundo que sofre com automatonofobia (que é medo de figuras humanas artificiais), mas… Vamos combinar que dentro de um museu bizarro desses, é como se o Chucky nos vigiasse dentro de cada boneco desses…

Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *