Sebrae Ceará realiza Fórum de educação empreendedora em Limoeiro do Norte
4 de outubro de 2019
Mostra especial no Cineclube Vila das Artes
7 de outubro de 2019

Uma das referências nacionais como retratista, Bob Wolfenson transita com a mesma habilidade entre a publicidade e a arte. Ao longo de quase 50 anos de carreira, é responsável por alguns dos retratos mais marcantes da iconografia brasileira recente.

Aquele que se define como especialista em breves encontros, comemora sua trajetória em Bob Wolfenson: Retratos, no Museu da Fotografia Fortaleza, a partir de 5 de outubro. Às 10h será a abertura para visitação, às 10h30 o artista dará uma palestra para o público, no auditório do MFF e, às 11h30, Bob fará uma visita guiada pela mostra. A exposição, preparada em 2018, no Espaço Cultural Porto Seguro, em São Paulo, tem curadoria de Rodrigo Villela e assistência de curadoria de Fábio Furtado.

A mostra compreende e mistura diferentes núcleos: personalidades da cultura, do esporte, da política e da moda, com fotos produzidas para editoriais ou por iniciativa do fotógrafo. Entre os retratados, nomes como Hélio Oiticica, Fernanda Montenegro, Caetano Veloso, Taís Araújo, Marília Gabriela, Lázaro Ramos, Camila Pitanga, Anitta, Ludmilla, Laerte, Zé Celso, Lula, Fernando Henrique Cardoso, Paulo Maluf, Luiza Erundina, Eduardo Suplicy, Pelé, Ronaldo e muitos outros.

A exposição traz mais de 150 retratos, vários deles ainda inéditos, feitos pelo fotógrafo ao longo de 45 anos. “Partimos de uma seleção inicial de mais de mil fotografias até chegarmos ao conjunto que apresentamos aqui na exposição. Foi um trabalho árduo, mas extremamente prazeroso”, comenta o curador.

Para a escolha das imagens integrantes, Villela, Furtado e Wolfenson adotaram alguns critérios. Além da escolha de retratos emblemáticos, em que o fotógrafo trabalha e até discute a própria linguagem, também haverá fotografias realizadas em momentos importantes para o País. A mostra traz, também, um conjunto de fotografias de um lado menos divulgado do fotógrafo: sua atividade de “paparazzo”. São relances de figuras encontradas por acaso e que ele não poderia deixar passar, a exemplo de Charles Chaplin, Sophia Loren e Yoko Ono.

SERVIÇO:
“Bob Wolfenson: Retratos”

Data abertura: 05/10 (sábado)
Horário: 10h
Palestra: 10h30
Visita mediada: 11h30
Censura: Livre
Visitação: Gratuita, de quarta-feira a domingo, de 12h às 17h
Local: Museu da Fotografia Fortaleza
Endereço: Rua Frederico Borges, 545 – Varjota
Mais informações: (85) 3017-3661

Fotos: Reprodução / Fonte: Museu da Fotografia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *