Truques para descobrir se há vazamentos de água na sua casa
22 de fevereiro de 2017
Composição das comissões técnicas da AL é anunciada
22 de fevereiro de 2017

Música melhora a performance sexual para mais de 90% dos brasileiros, revela pesquisa

Esqueça a catuaba, o ovo de codorna ou até mesmo o viagra, se você anda procurando por algo para melhorar a sua performance entre quatro paredes, saiba que basta ligar a caixa de som e deixar uma playlist tocando. Pelo menos é o que pensam 90% dos brasileiros, conforme dados de uma pesquisa encomendada pelo Deezer – site de streaming musical.

A enquete foi realizada com cerca de duas mil pessoas e para quase 63% dos respondentes a música é obrigatória na hora do sexo – cerca de 40% dos entrevistados dizem durar mais, 30% afirma se sentir mais excitado e pouco mais de 27% simplesmente diz que faz o sexo ficar melhor. O Pop é o gênero mais escolhido para o sexo (35%), seguido por Rock (23%). Heavy Metal e Rap ficam em baixa quando o assunto é garantir uma boa performance sexual.

Ainda de acordo com dados da pesquisa, na hora de criar uma atmosfera com o “clima perfeito”, a música supera outros fatores conhecidos tradicionalmente por serem afrodisíacos como beber vinho ou drinks e comer chocolate. Vestir uma lingerie especial e diminuir as luzes também se destacam como excelentes artimanhas para entrar no clima, mas não tanto quanto a música.

Para 52% dos brasileiros, todo dia é dia! Mas se tiver que escolher um dia da semana, quase 25% afirmam que sábado é o melhor dia para transar. É depois das 20 horas que o clima começa a esquentar, mas é entre 22 e 24 horas que mais pessoas tendem a fazer sexo (36%).

A pesquisa ainda mostra que os artistas mais procurados na hora H e que mais ajudam a ter uma boa performance sexual são Rihanna, Beyoncé e Bruno Mars. Os menos recomendados são Justin Bieber, MC Bin Laden e MC Livinho.

A relação da música com o prazer e a performance sexual não se trata de algo novo. Médicos defendem que escutar a trilha sonora preferida mexe com a região do cérebro, onde estão os sentimentos e as emoções e faz com que sejam liberados neurotransmissores como endorfina e dopamina, que estão intimamente ligados ao prazer e as recompensas. Provavelmente seja por isso que uma boa playlist funciona como o afrodisíaco perfeito.

Fotos: Reprodução. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *