10 gifs de ilusões de ótica para bugar sua cabeça
21 de março de 2019
Massagem no Couro Cabeludo – Passo a passo para deixar seus cabelos mais limpos e brilhosos!
21 de março de 2019

O curioso caso da Pedra de Roswell, que teria sido feita por ETs

Não é de hoje que histórias sobre vida extraterrestre atiça a curiosidade dos seres humanos. Afinal, será que estamos sós no universo? Dentre as histórias mais famosas está a que ocorreu na cidade de Roswell, nos Estados Unidos. Acredita-se que uma nave alienígena tenha caído no local e até hoje a cidade vive da fama de ser parada obrigatória de ufólogos e pessoas que gostam de histórias extraterrenas. Porém foi por lá que um empresário achou um misterioso artefato que ficou conhecido como a Pedra de Roswell.

Robert Ridge e sua descoberta

Robert Ridge caçava cervos na floresta do Novo México, bem próximo a Roswell, em 2004. Poderia ser só mais uma caçada se ele não tivesse topado com uma pedra curiosa. Com cerca de 4 cm de espessura e 5 cm de comprimento, a rocha continha desenhos para lá de enigmáticos. As inscrições remetiam a desenhos geométricos que lembravam a luas e sóis.

Isso poderia parecer bobagem se não fosse por um detalhe: aqueles símbolos eram idênticos aos encontrados em 1996 em uma fazenda na Inglaterra. Segundo ufólogos, esse desenho na plantação inglesa – chamado agroglifo – é um dos mais perfeitos que existem no mundo. E vários países registram desenhos desse tipo. E como esse desenho teria ido parar na Pedra de Roswell quase 10 anos depois?

Primeiro, acreditou-se que se tratava de uma cópia feita por alguém que queria ficar famoso. Porém nenhum cientista ou artesão conseguiu copiar a imagem com a mesma precisão e acabamento observado no artefato encontrado. E mais: porque alguém faria isso e jogaria a pedra no deserto, correndo o risco dela nunca ser encontrada?

Pedra de Roswell tem desenho idêntico a agroglifo encontrado na Inglaterra em 1996

A pedra também é feita de um material que não existe na região em que ela foi encontrada. E ela registra também uma atividade eletromagnética incomum e praticamente impossível de ser falsificada. Para isso, seria preciso abrir a pedra, colocar um imã dentro dela e depois fechá-la sem deixar qualquer marca. Exames foram feitos e comprovaram que a pedra é maciça. E detalhe: o campo eletromagnético da Pedra de Roswell é capaz de fazer uma bússola girar tanto para a esquerda quanto para a direita, o que mostra que ele pode mudar sem nenhuma explicação ou motivo.

Outro aspecto interessante da Pedra é que seu dono, Robert Ridge, parece ter criado um profundo vínculo psicológico com ela. Em entrevista, ele declarou ser sofrido emocionalmente quando pesquisadores retiraram um pedaço dela para análises.

Ainda hoje não há consenso sobre o que a tal Pedra de Roswell represente. Ufólogos acreditam que ela seja alguma chave, mas para abrir o quê? Já outros estudiosos acreditam que ela deva representar alguma marca, calendário ou data importante. Mas, para quem? Será que alguma antiga civilização veio mesmo do espaço? Você, o que acha? Isso é coisa de extraterrestres?

Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *