Bienal Internacional de Teatro do Ceará
13 de novembro de 2017
É oficial! O Senhor dos Anéis vai virar série da Amazon!
14 de novembro de 2017

Como parte das comemorações ao Dia Nacional de Consciência Negra (20/11), a CAIXA Cultural Fortaleza realiza o Gente Arteira, programa educativo que tem o objetivo de contribuir para o fomento à cultura, em suas mais diversas vertentes. O projeto está com uma programação especial para o mês de novembro e irá realizar oficinas dedicadas à data, além de cursos e atividades com temas variados. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo email gentearteira.ce@caixa.gov.br

No dia 18 de novembro, das 14h às 18h, vai ser realizada a oficina Bonecas Abayomi: símbolo de resistência, tradição e poder feminino. Ministrada por Cláudia Oliveira, Mestra em Educação Brasileira pela Universidade Federal do Ceará, Coordenadora da Caravana Cultural Quilombola de Caucaia e membro do Conselho Estadual de Promoção da Igualdade Racial do Ceará – COEPIR, a aula propõe momentos de reflexão e de construção das bonecas que possuem forte ligação com a resistência negra. Abayomi, termo que significa ‘Encontro precioso’ em Iorubá, uma das maiores etnias da África, eram bonecas feitas pelas mães para acalentar os filhos durante as terríveis viagens a bordo dos tumbeiros – navio de pequeno porte que realizava o transporte de escravos entre África e Brasil – a partir de retalhos de suas saias. Os interessados, com idade a partir de 16 anos, podem se inscrever entre os dias 14 a 16 de novembro. Capacidade: 20 vagas, por ordem de inscrição.

Para finalizar a programação especial referente ao Dia da Consciência Negra, o Gente Arteira realiza a oficina Turbante-se, que está agendada para o dia 25 de novembro, das 14h às 18h. Ministrado por Juliana Holanda, pós-graduanda em Gestão Cultural, e Neide Rodrigues, idealizadora do Ateliê Xica Pilica, que produz peças e produtos a partir de material totalmente ou parcialmente reciclado, o encontro é uma oportunidade de conhecer as memórias, as técnicas de uso do turbante e como seu uso mantém a expressão da cultura negra. As inscrições podem ser feitas entre os dias 21 a 23 de Novembro. Classificação: a partir de 16 anos. Capacidade: 20 vagas, por ordem de inscrição.

Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *