Penteados do Oscar 2016 para copiar!
3 de março de 2016
Prefeitura entrega certificado do Academia Enem 2015 neste domingo
4 de março de 2016

Não é preciso ser nenhuma marombeira fitness para saber que músculos em perfeito funcionamento precisam ter força (capacidade de apertar), resistência (capacidade de segurar este aperto por um bom tempo), explosão (capacidade de contrair e relaxar rápido) e coordenação motora (capacidade de contrair de jeitos diferentes). E já que todo músculo pode aumentar essas capacidades com meio de exercícios, por que não trabalhar o tônus muscular da vagina também?

De acordo com Erica Mantelli, Ginecologista e Obstetra pós-graduada em Sexologia pela Universidade de São Paulo (USP), a ginástica íntima consiste em técnicas realizadas por meio de exercícios que fortalecem os músculos do assoalho pélvico. Essa técnica oriental milenar, praticada por homens e mulheres que buscam a satisfação sexual deles e dos parceiros, chegou aqui no Brasil por volta dos anos 1970 e por décadas foi um tabu. Com o passar do tempo a técnica ganhou mais popularidade, principalmente entre as mulheres.

Nesta matéria bem gostosinha que o No Pátio preparou vamos não só falar sobre pompoarismo como também ensinar alguns exercícios que ajudarão muito no seu prazer sexual. Confira e aproveite!

As técnicas mais utilizadas nesta ginástica são séries de exercícios de Kegel. Elas foram desenvolvidas na década de 1940 pelo ginecologista Arnold Kegel, que recomendou que as mulheres deveriam exercitar a região depois do parto, evitando desta maneira determinados problemas de saúde.

Pompoarismo 3

No estudo dessa técnica foi detectada através de alguns exames de acompanhamento que pacientes que faziam os exercícios de Kegel regularmente, conseguiam atingir o orgasmo com maior facilidade, frequência e intensidade. Tempos depois o ginecologista descobriu que essas atividades também fortaleciam o músculo puboccígeo (PC), que forma a plataforma orgásmica. O PC fora de forma é o responsável pela perda da sensibilidade ao redor da abertura da vagina.

♥ Entre os benefícios do pompoarismo podemos destacar:

– Fortalece os músculos vaginais aumentando o prazer sexual do casal;

– Regula os hormônios, pois ativa a circulação da área pélvica;

– Conserva por mais tempo a libido das pessoas que praticam os exercícios regularmente;

– Ajuda no tratamento de frigidez;

– Auxilia e previne problema de incontinência urinária, queda do útero, bexiga, flacidez vaginal;

– Proporciona orgasmos mais intensos;

– Dá maior mobilidade aos quadris e a área pélvica;

– Melhora a performance da mulher na cama;

– Eleva a auto-estima, pois você se sente mais segura e poderosa;

– Mulheres que têm parceiros com ejaculação precoce podem utilizar o pompoarismo para amenizar e, junto com a terapia, superar o problema.

Pompoarismo 2

Você certamente está curiosa para aprender como pompoar agora, certo? Pois veja em apenas três dicas o que a Dra. Erica Mantelli ensina para conseguir fazer os exercícios íntimos. Assim você não só tonifica o músculo vaginal como proporciona a você e ao parceiro orgasmos mais intensos.

♥ Primeiro passo:

Para iniciar a prática dos exercícios é preciso verificar se os músculos certos estão sendo segmentados. Para isso, pare o fluxo de urina e sinta quais os músculos você está contraindo nesse procedimento.

Outra opção é inserir o dedo na vagina e apertar os músculos no entorno para localizá-los. Cerifique-se que não está usando qualquer outro músculo, como por exemplo, do abdômen, coxas ou nádegas.

♥ Segundo passo

Após localizar o músculo é preciso esvaziar a bexiga, para poder iniciar os exercícios.

♥ Terceiro passo

Procure um lugar confortável para sentar ou deitar, e assim realizar os movimentos. Comece por apertar os músculos do assoalho pélvico e segurá-los por dez segundos. Após completar o tempo relaxe por mais dez e reinicie o movimento. O ideal é realizar um conjunto de cinco séries.

Repita essa rotina por até três vezes na semana. Além disso, é possível ousar e tentar os exercícios extras durante a relação sexual, como apertar e soltar os músculos em torno pênis do parceiro e observar como isso contribui para a excitação dele.

Quando você já estiver mais familiarizada com esses exercícios pode aumentar o nível (se quiser) e  com alguns objetos. Os utensílios da técnica são os seguintes:

– Bolas tailandesas: leves indicadas para as novatas, fortalecem rapidamente a região vaginal. A força utilizada no exercício deve respeitar a sua capacidade de contração.

– Colar tailandês: com cinco bolinhas, enfatiza a coordenação para os exercícios. ao introduzi-lo, o canal vaginal se contrai espontaneamente. use-o dez minutos por dia.

– Bolas Ben-Wa: tem duas ou quatro bolinhas e facilita o movimento de sugar e expulsar o pênis. Recomendado para quem já treina há algum tempo.

Pompoarismo 5

Quem disse que malhação é só para enrijecer braços, pernas, abdômen e bumbum? Você viu com o No Pátio que o pompoarismo ajuda a fortalecer o canal vaginal e de quebra ainda aumenta do prazer. Se você ainda não pratica essa arte, está na hora de começar a pompoar. E pode ter certeza, esses movimentos transformam a vida sexual de qualquer casal.

♥ Veja alguns dos movimentos mais básicos do pompoarismo.

– Chupitar : sugar o pênis com a vagina;

– Estrangular: apertar o pescoço da glande com um dos anéis vaginais;

– Expelir: expulsar para fora o pênis, deixando apenas a glande no interior da vagina;

– Ordenhar: massagear o pênis de maneira ordenada, utilizando os anéis vaginais;

– Sugar: introduzir somente a glande na mulher e assim ela suga com a vagina o resto do pênis;

– Torcer: apertar e torcer o pênis com os anéis vaginais;

– Travar: contrair a vagina, impedindo a saída do pênis.

Se animou com as dicas? Então diga ao ao gato que você quer experimentar algo novo, mas que para isso ele precisa ficar quietinho. Estimule-o bem até o pênis dele ficar ereto (o pompoarismo não funciona sem o pênis estar ereto) e então insira-o na sua vagina. Se você conseguir ao menos sugar, prender e expelir, acredite, você irá enlouquece-lo na cama!

Fotos: Reprodução. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *