Mundo da Arte: A fotografia “Perecível” de Felipe Camilo
30 de julho de 2020
Batom perfeito – Textura, cor e acabamento ideal para o make
31 de julho de 2020

Programação da Secult traz homenagem a Alberto Nepomuceno

Dedicado a revisitar e divulgar o legado do compositor e maestro cearense no centenário de sua morte, o “III SIRIM: Alberto Nepomuceno em foco”, será realizado de agosto a dezembro. 

As atividades terão início no dia 10 de agosto, com a mesa-redonda “Modinha e as canções de Nepomuceno”, a partir das 20h. O debate contará com a presença da cantora Anna Maria Kieffer e do professor Edilson Vicente de Lima, sob mediação de Márcio Landi, professor e regente, coordenador do IRIM. Na sequência, a cantora Mona Gadelha, a convite da comissão de celebrações Nepomuceno, apresentará uma releitura de modinha do compositor em parceria com Juvenal Galeno, “Medroso de Amor”, gravada por Nara Leão, em 1968.

No mês seguinte, a musicóloga Monica Vermes e o músico Marcelo Jaffé são os convidados da mesa “Aspectos da obra instrumental de Alberto Nepomuceno”, mediada pela professora e pesquisadora Rosana Lancelotti, no dia 14 de setembro, também às 20h. O evento também contará com apresentação do instituto Musica Brasilis.

O terceiro encontro será realizado no dia 19 de outubro, com a presença do pesquisador Avelino Romero Pereira e do escritor João Silvério Trevisan, que vão debater o tema “Alberto Nepomuceno: entre a História e a Ficção”. A mediação ficará por conta da regente e pesquisadora Inez Martins. Uma apresentação em vídeo do “Hino do Ceará” será transmitida na sequência. As atividades começam às 20h.

O penúltimo dia de programação acontecerá em 16 de novembro, a partir das 20h, com o debate “A modernidade em Nepomuceno”. Para o evento foram convidados o pesquisador e professor Luiz Guilherme Goldberg e o maestro Julio Medaglia, sob mediação de Anna Maria Kieffer. Um vídeo da “Marcha” da Ópera Abul também será apresentado.

O evento será encerrado no dia 14 de dezembro, com a presença do poeta e repentista Geraldo Amâncio, poeta e cordelista Geraldo de Almeida Nobre e da professora Elba Braga Ramalho na mesa-redonda “Aspectos da Tradição em Nepomuceno e a cantoria nordestina”. A mediação será realizada pelo professor e pesquisador Gilmar de Carvalho. Ao final, acontecerá apresentação do vídeo “A jangada”.

Toda a programação tem curadoria de uma comissão formada pelos músicos e pesquisadores Elba Braga Ramalho, Gilmar de Carvalho, Inez Martins Gonçalves, Anna Maria Kieffer e Marcio Landi. O evento conta, ainda, com a parceria da Universidade Federal do Ceará (UFC) e do Curso de Música da Universidade Estadual do Ceará.

Fotos: Reprodução / Fonte: Secult

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *