Rabo de cavalo – 5 opções para renovar o penteado
22 de maio de 2020
Inscrições para prêmio destinado a mulheres cientistas terminam hoje
22 de maio de 2020

#SalvemBelParaMeninas: entenda a história de Bel e sua mãe acusada de exploração

história de Bel

Ao longo da última semana, o nome de uma jovem começou a se destacar nas redes sociais – principalmente o Instagram. Estamos falando de Bel, uma jovem youtuber de 13 anos. Crianças e adolescentes que se tornaram webcelebridades já não são mais nenhuma novidade, afinal, o youtuber mais bem pago do mundo é um menino de oito anos de idade. Mas, existe um ponto em que a brincadeira em frente as câmeras com as crianças pode virar exploração infantil? A polêmica história de Bel e sua mãe, Francinete, deixou essa discussão bem acessa nos últimos dias…

Vídeo em que supostamente a mãe de Bel ameaça a menina por escolher outra mochila

Como já dissemos, Bel é uma youtuber que começou a gravar vídeos com sua mãe quando tinha ainda seis anos. O canal Bel Para Meninas, que agora se chama apenas Bel – chegou a ser um dos mais populares com conteúdos voltados para crianças. Isso porque ele apresentava historinhas, teatrinhos e mais, tudo protagonizado pela pequena Isabel. Porém, Bel cresceu e hoje está com 13 anos. Mas, segundo os internautas, Fran, mãe de Bel, continua infantilizando a garota, fazendo-a agir como se ainda tivesse oito anos de idade. Tudo para manter a audiência infantil.

Vários internautas denunciaram Fran por constranger a filha. Em alguns vídeos, é possível ainda ver a mãe da menina fazendo brincadeiras que podem ser consideradas abusivas por muita gente, como no caso em que ela faz a menina comer sal de frutas.

Como a história de Bel viralizou

No começo da semana, o apresentador Luiz Bacci postou no Twitter que estava recebendo denúncias contra a mãe de Bel. Ele então pediu para os seguidores explicarem o que estava acontecendo. Não demorou muito e a tag #SalvemBelParaMeninas acabou ficando entre os assuntos mais comentados da internet. Bacci então mostrou os vídeos e fez uma reportagem sobre a menina. Fran, a mãe, não quis dar entrevista para o programa. Já Maurício, o pai de Bel, se limitou a divulgar uma carta para a imprensa, que foi lida no programa de Bacci. Confira um trecho:

‘Por meio de nossos canais passamos a publicar conteúdos controlados, uma vez que não se trata de um reality show onde estaríamos 100% expostos. Pelo contrário, nós escolhemos os conteúdos que publicamos, muitas das estórias são de ficção criadas por nós dentro da temática que abordamos. Não se trata de expor a nossa relação interpessoal e familiar, mas se trata de expor certos acontecimentos nas hipotéticas relações interpessoais familiares em geral’.

Enquanto isso, Fran publicou uma foto da família no Instagram, na qual dizia que as pessoas estavam espalhando ódio gratuito. Os comentários foram desabilitados.

Polêmica na timeline

E a polêmica só cresceu ainda mais. Isso porque, segundo quem acompanha o canal, a menina estaria pedindo “socorro com os olhos” nas vídeos. E Fran estaria abusando psicologicamente da filha. E várias pessoas horrorizadas fizeram questão de deixar claro o quanto achavam absurda a situação da menina:

Denúncia

Segundo o artigo 232 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), “submeter criança ou adolescente sob sua autoridade, guarda ou vigilância a vexame ou constrangimento” é crime. Isso por levar a uma pena de seis meses a dois anos de detenção. Segundo Luiz Bacci, o caso está no Ministério Público, devido a um recurso. mas novas denúncias podem ser feitas através do Disque100.

Que polêmica a história de Bel, hein? Então, o que vocês acham do caso?

Fotos e vídeos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *