Ciência e Tecnologia no Ceará
30 de outubro de 2015
Grifes em crise: Alber Elbaz deixa Lanvin
30 de outubro de 2015


A mortalidade infantil ainda é um dos piores problemas sociais do mundo, mas o prefeito de Sobral, Veveu Arruda, tem muito o que comemorar. O prefeito anunciou ontem (quinta-feira, 29), durante coletiva de imprensa, que de acordo com dados do relatório do Sistema de Informação sobre Nascidos Vivos – Sinasc – do Ministério da Saúde, o município de Sobral registrou a menor taxa de mortalidade infantil de sua história. De janeiro a setembro deste ano, a taxa foi de 8,9 óbitos a cada mil nascidos vivos, enquanto a taxa brasileira é de 15,3.

Para se ter uma ideia, em 1991, morriam quase 67 crianças antes de completar um ano de idade a cada mil nascidas vivas. Isso representa uma queda de cerca de 87% no número de óbitos infantis.

A implementação de políticas públicas comprometidas com o bem-estar de gestantes e crianças, como o Projeto Coala, criado em 2013 pelo prefeito Veveu Arruda, que oferece cuidados especiais aos bebês prematuros em suas próprias residências, com acompanhamento de uma médica neonatologista, uma enfermeira e da equipe do posto de saúde, é uma das razões para o resultado alcançado.

Outra iniciativa de sucesso é o Trevo de Quatro Folhas, que oferece assistência social para mães com crianças de até dois anos de idade, em situação de vulnerabilidade social. Para o Prefeito de Sobral a conquista é fruto de uma ação articulada em vários setores. “Não conseguiríamos reduzir a mortalidade infantil se não tivéssemos investido numa educação de qualidade,” afirmou.

mortalidade infantil 2

Políticas como o Trevo de Quatro Folhas, Projeto Coala, Casa Acolhedora do Arco, projeto de Acompanhamento dos Primeiros Sobralenses (Paps), ampliação da peuricultura até cinco anos de idade e a universalização da educação infantil foram preponderantes na atenção à primeira infância para zerar a mortalidade materna e chegar ao menor índice de mortalidade infantil da história de Sobral.

Este resultado não é o único fruto do  sucesso das ações de políticas públicas que Sobral vem realizando. Recentemente, o município foi reconhecido pelo Ideb como o portador da melhor rede de educação do Brasil, além de ter o segundo melhor Índice de Desenvolvimento Humano do estado do Ceará.

 

Fotos: Reprodução. 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *