9 tamancos para compor o look do réveillon 2020
3 de dezembro de 2019
10 sites assustadores que vão te dar muito medo do próximo clique
3 de dezembro de 2019

XIII Encontro Mestres do Mundo traz atrações regionais, nacionais e internacionais

Uma vasta programação cultural gratuita e aberta ao público durante os quatro dias de evento, com atrações regionais, nacionais e internacionais! De quarta a sábado, 4 a 7 de dezembro, o município de Sobral, localizado a 231 km de Fortaleza, recebe o XIII Encontro Mestres Mundo, evento que irá reunir os Tesouros Vivos da Cultura do Ceará, representados pelos A ação é uma iniciativa da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult). Neste ano, o Encontro tem o tema “Construindo Resistência entre Girassóis e Mandacarus”.

A programação tem início na quarta-feira, 4, às 18h40, com um Cortejo Ritual de Abertura que parte da Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Pretinhos em direção à Arena dos Mestres, localizada na Praça São João. Após o cortejo, haverá a coroação das rainhas dos maracatus Reis de Paus, grupo de Fortaleza titulado este ano, e Nação Tremembé, de Aracatiaçu, e a solenidade de abertura, comandada pelo Secretário da Cultura, Fabiano Piúba. As atrações artísticas da primeira noite começam às 21h20, com o grupo mexicano Fuocco di Strada, o Coco São Francisco (Juazeiro do Norte) e o Grupo Bongar, de Casa Xambá em Recife (PE).

Na quinta-feira (5), as atividades iniciam pela manhã, das 9h às 12h, com vivências desenvolvidas entre os Mestres e Mestras, os grupos convidados e o público. O campus Cidão, da Universidade Vale do Acaraú, recebe os Girassóis em Rodas de trocas ou Trocas em Rodas, terreiradas de vivências e experiências com os Tesouros Vivos nas Rodas do Sagrado, do Corpo, da Oralidade, das Mãos e dos Sons. Haverá, também no campus da Universidade, os Girassóis Curumins na Fazenda Caiçara, a Roda Semente com transmissão de saberes para a gente miúda.

Os mestres encantados serão relembrados na atividade O saber dos Encantados: Espalhando Mandacarus, durante a oficina Cana Verde do Mucuripe – o saber de D. Gerta, com sua filha Maria José, em Lisieux, Santa Quitéria. Os grupos Fuocco di Strada (México), Carroça de Mamulengos (Juazeiro do Norte) e Borgar (PE) também realizam vivências durante a manhã. O período da tarde será dedicado a ações formativas com o a mesa de abertura do III Seminário Interdisciplinar de Patrimônio Imaterial, que este ano tem como tema “Patrimônio: territórios ameaçados, riscos às comunidades tradicionais e originárias” e será realizado no Teatro São João.

A programação noturna começa às 19h, na Arena dos Mestres (Praça São João), com a atividade infanto-juvenil Entre Girassóis e Mandacarus, com o Teatro de Bonecos de Cassimiro Coco. Às 19h30, os povos originários serão homenageados com um ritual, seguido de Toré, dança que será realizada pelos povos indígenas do Ceará. Às 20h, o Grupo Rabecacello (Itapipoca) se une aos Mestres Totonho, Quincas da Rabeca e Mestra Ana na apresentação Rabecas do Ceará. Em seguida, o público terá a presença do Boi Paz no Mundo, de Sobral, e da Carroça de Mamulengos, de Juazeiro do Norte. A banda Fulô da Aurora, de Fortaleza, encerra a segunda noite de atrações do Encontro.

Sexta-feira (6) as rodas de trocas de saberes com os Mestres e Mestras da Cultura continuam, na Universidade do Vale do Acaraú. A Banda Cabaçal dos Irmãos Aniceto participa de uma aula espetáculo e a atividade O saber dos Encantados: Espalhando Mandacarus será realizada na Serra da Meruoca, com o tema a Dança do Leruá e Maneiro Pau e participação dos Mestres Cirilo e Ricardinho e do grupo Mira Ira. Tanto na quinta quanto na sexta, o povo indígena amapaense Wajãpi irá realizar pinturas corporais com os participantes. A Arte Kusiwa – Pintura Corporal e Arte Gráfica Wajãpi recebeu da Unesco o título de Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade em 2003.

No período da tarde, das 14h às 18h, as ações formativas do III Seminário Interdisciplinar de Patrimônio Imaterial continuam com a realização de simpósios temáticos. Às 15h, o teatro São João será o palco para a entrega dos títulos em Notório Saber em Cultura Popular dos mestres titulados este ano, realizada pela Universidade Estadual do Ceará. Das 14h às 17h, as escolas da rede municipal de ensino de Sobral recebem aulas-espetáculo Boi de Maracanã, do Maranhão, e Bois e Reis, do Rio Grande do Norte. De quinta a sábado, das 14h às 18h, a Casa do Capitão Mor de Sobral abriga duas atividades: a exposição Valores do Meu Lugar e a mostra de vídeo No intangível sem fronteiras espalhando mandacarus, no mini auditório.

As atividades culturais noturnas começam na sexta-feira, às 18h30, com o Som das Seis “Ritual Reisados”, na Igreja de Nossa Senhora da Conceição. Na Arena dos Mestres, a partir das 19h30, a programação infanto-juvenil Entre Girassóis e Mandacarus terá como estrela o Mestre Palhaço Pimenta. Às 20h haverá o espetáculo Violas do Ceará, com os Mestres Antônio Pontes (Sobral) e Geraldo Amâncio (Fortaleza), seguida pelo Coco da Batateira (Crato), Reisado Euclides Rufino (Cariré), Boi de Maracanã – Sotaque de Matraca (São Luís-MA) e Forró Pé de Serra, com Luís Paulo (Quixeramobim).

Viu quanta coisa boa? Pois fique aqui no Hype que ainda tem muito mais sobre o XIII Encontro Mestres Mundo!

Fotos: Reprodução / Fonte: Secult

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *