Melodias e poesias da música cearense
1 de dezembro de 2016
Camisinha feminina: 6 motivos para torná-la sua melhor amiga
1 de dezembro de 2016

10 recomendações da ONG Criança Desaparecida para prevenir o sequestro infantil

Em todo o mundo, o sequestro infantil tem se tornado cada vez mais frequente e os requintes de crueldade são marcantes. Lugares como teatros, parques, circos, clubes sociais e escolas são alvos de sequestradores de crianças. E com um simples descuido, o pequenino já não está ali.

O Pátio Hype sabe embora seja uma realidade que parece tão distante de nós, é necessário estar sempre em estado de atenção. Cuidados simples como não deixar os pequenos sozinhos no carro ou ensiná-los, desde cedo, informações básicas – como nome completo, endereço, telefone e nome dos pais – podem evitar problemas futuros, que vão desde ações maldosas e criminosas até uma perda no shopping ou na praia, por exemplo.

Pensando nisso, listamos algumas dicas que a ONG Criança Desaparecida recomenda para evitar um episódio de sequestro infantil. Veja:

1. Oriente seu filho, desde pequeno, a não aceitar presentes, doces ou caronas de estranhos, sob qualquer argumentação, nem mesmo de conhecidos ou parentes sem o seu consentimento;

2. Conheça as pessoas que convivem com seu filho, participando sempre de suas atividades escolares, festivas e entre amigos;

sequestro-infantil-3

3. Desde pequena, a criança deve conhecer seu nome completo, o dos pais, seu endereço, telefone, referências etc. Se ela tiver dificuldade ou ainda for muito pequenina para memorizar, uma pulseira de identificação pode ser utilizada;

4. Explique ao seu filho que, se ele se perder, deve procurar um agente público. Por exemplo, na rua, falar com um policial, na praia, com um salva-vidas, em uma loja, com um segurança;

5. Sempre acompanhe as crianças ao banheiro público. Se não puder, peça a alguém de confiança;

6. Caso perca a criança, procure rapidamente um agente público devidamente identificado (Polícia Militar, Polícia Civil, Bombeiros ou Guardas Municipais);

7. Não permita que seu filho brinque na rua sem a supervisão de um adulto de sua confiança;

8. Não deixe seu filho sozinho em casa ou em seu veículo, mesmo que seja por alguns minutos;

9. Ao se mudar para um novo endereço, faça sua família ser conhecida pela vizinhança e conheça também as pessoas que estão a sua volta;

10. Faça com que seu filho se sinta seguro para confidenciar qualquer coisa a você, independentemente das circunstâncias.

sequestro-infantil-2

O sequestro infantil, cada vez mais comum, quando não acaba em morte da criança pode gerar inúmeros traumas em quem sofreu a violência e nos seus familiares. Por isso, todo cuidado é pouco. Basta um único momento de descuido e tudo pode acontecer. Siga as dicas que o Pátio Hype listou e cuide do seu maior bem aqui na terra: seus filhos.

Fotos: Reprodução. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *