A bicicleta e a mobilidade urbana
25 de Maio de 2016
Problemas de saúde que podem fazer engordar
25 de Maio de 2016

Atualmente, a pauta da sustentabilidade está presente em jornais, revistas, na internet, na conversa dos amigos, ou seja, em todo lugar. Cedo ou tarde, sempre se fala em ser um consumidor consciente, em comprar com consciência, em cuidar do meio ambiente, em economizar recursos naturais, etc. Porém, todos estes itens estão relacionados, e é importante ter em mente isso no momento de comprar algo.

Então, para ajudar vocês a serem um verdadeiro exemplo de consumidores conscientes a gente do No Pátio preparou uma listinha com dicas bem legais para você!

consumidor conscienteEu preciso mesmo disso?
Antes de comprar qualquer coisa, para se tornar um consumidor consciente é importante parar e pensar. Se pergunte coisas como se você realmente precisa daquele objeto, se ele é mesmo útil ou se a compra é por impulso, avalie se você não está deprimido ou algo do tipo, ou se daqui a um ano você ainda vai gostar daquilo. A sinceridade ao responder essas perguntas é importante para definir se a compra deve ser feita ou não. Se ficou na dúvida, melhor desistir da compra. Se o item for realmente necessário, você pode voltar e comprar depois.

consumidor conscienteCompre bens duráveis
Em nossa época, é moda a chamada “Obsolescência Programada”, ou seja, as coisas hoje em dia são feitas para durar pouco, forçando as pessoas a comprarem novamente o mesmo item. Mas você pode procurar por itens duráveis: móveis feitos em madeira, não em compensado, por exemplo. Você até poderá pagar um pouco a mais por isso, mas não precisará gastar comprando outro item o mandando consertar tão cedo. Então, vale a pena a diferença!

consumidor consciente3Compre de empresas ecologicamente e socialmente responsáveis
Muita gente já se preocupa em comprar de empresas que não poluam o meio ambiente sem nem saber que isso é um importante passo para se tornar um consumidor consciente. Entretanto, é preciso mais. Procure comprar de empresas que tenham ações ambientais sérias, que não testem seus produtos em animais, que não destruam a natureza, mas que também sejam responsáveis socialmente, ou seja, que paguem salários dignos a seus funcionários e, principalmente, que não tenham mão de obra escrava embutida em sua cadeia produtiva.

consumidor consciente4Evite comprar itens descartáveis
Aqui o raciocínio é similar ao de comprar bens duráveis. Itens descartáveis vão para o lixo, e geralmente não são recicláveis. Então, usar esses itens aumenta em grande proporção a quantidade de lixo de geramos. Prefira lenços e guardanapos de pano aos de papel, e pratos, xícaras e copos de vidro aos de plástico. Nem precisa lembrar de ter uma garrafinha de água no escritório para não usar copos descartáveis, não é mesmo?

consumidor consciente5Dê preferência ao comércio local
Você quer uma mochila. Na internet, vinda de longe, ela custa X. Mas, será que perto de você, na sua cidade, não tem nenhuma loja que fabrique e venda uma mochila igualmente interessante? Dê preferência a comprar itens feitos em sua cidade, por pequenas empresas. Que tal ajudar o comércio local e a economia de sua cidade? Se o assunto for comida, comprar de produtores locais e na safra vai lhe render uma boa economia. E se for na feira, sem agrotóxicos, ainda vai dar um up na sua saúde!

Viu como com pequenas mudanças simples em seu dia a dia, é fácil se tornar um consumidor consciente? O planeta precisa de mais pessoas assim, seja você o próximo!

Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *