sunglasses - 5 modelos que são tendências
Sunglasses: 5 trends de óculos de sol para 2022
12 de maio de 2022
Saúde na terceira idade – 8 Exames essenciais!
12 de maio de 2022

Bizarro: após anos com pênis preso ao braço, homem consegue colocá-lo no lugar certo 

pênis preso

Apesar da técnica de implantar um membro decepado no corpo para que este se recupere não é necessariamente nova, mas ainda surpreende muita gente. Porém, o que nem todo mundo foi o longo caminho que um homem percorreu na Inglaterra até remover seu pênis preso ao braço e reimplantá-lo no local correto. Passaram-se seis anos até o dia do implante chegar e a gente conta essa história bizarra para vocês!

Em 2010 o britânico Malcolm MacDonald teve uma grave infecção no sangue, e isso o fez perdeu seu órgão reprodutor. Para que o homem pudesse levar uma vida “normal”, os médicos criaram um novo pênis para ele, utilizando a pele de seu próprio braço para que, assim, ele mantivesse a sensibilidade do órgão. Mas como Malcolm ainda não estava totalmente recuperado e havia sérios riscos de submetê-lo a uma cirurgia de reimplante, os médicos optaram por deixar o pênis preso ao braço dele, como um enxerto.

A ideia era que ele ficasse nessa situação apenas por um determinado período. Em 2015, a cirurgia para colocar o órgão no local correto deveria ter sido realizada. Porém, devido a atrasos e problemas no sistema público de saúde da Inglaterra, o procedimento foi sendo adiado. Depois, veio a pandemia de Covid-19, que também fez com que o tempo se estendesse e a cirurgia não fosse realizada.

pênis preso

Mas após seis anos, ele conseguiu enfim remover o pênis preso ao braço e reimplantá-lo no local correto. “Você pode imaginar seis anos de sua vida com um pênis balançando em seu braço? Foi um pesadelo, mas agora acabou”, disse ele a um documentário feito pela TV britânica sobre seu caso. Ao todo, foram nove horas de cirurgia que ele enfrentou para recolocar o órgão no lugar. Os médicos também implantaram uma bomba que pode ser preenchida com solução salina para que ele também possa retomar sua vida sexual.

Fotos: Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *