Tragédia da Boate Kiss vai ganhar série da Netflix
24 de novembro de 2021
Black Friday – Dicas para aproveitar as compras on-line.
24 de novembro de 2021

Bizarro: Guerra de Travesseiros vira esporte e ganha seu primeiro campeonato

Guerra de Travesseiros

Que atire a primeira almofada quem nunca bateu com o travesseiro em alguém – geralmente seu irmão ou irmã. Afinal, a famigerada guerra de travesseiros é uma brincadeira extremamente antiga, não é mesmo? Pois bem, um homem nos Estados Unidos resolveu levar a brincadeira a série e transformá-la em um verdadeiro esporte. E agora ele está organizando o primeiro campeonato oficial de Guerra de Travesseiros. Vem entender essa história com a gente.

O PFC – Pillow Fight Champioship (ou Campeonato de Guerra de Travesseiros, em português), é uma criação de Steve Williams, nos Estados Unidos. Segundo ele, não se trata de uma coisa para se ver rindo enquanto penas voam por todos os lados, como vemos nos filmes. ” É sério. É hardcore mexer com travesseiros especializados”, disse ele em entrevista à CNN. Ou seja, não é qualquer travesseiro fofinho, e sim peças padronizadas, mais pesadas que os travesseiros convencionais.

Guerra de travesseiros com ex-lutadores de MMA

Outra peculiaridade do esporte são seus competidores. Isso porque muitos são ex-lutadores de esportes agressivos como o MMA e o boxe. Ou seja: a ideia é bater forte mesmo. Mas, diferentemente dos dois esportes citados, no PFC ninguém se machuca valendo. Segundo o criador, a ideia é justamente agradar ao público que gosta de acompanhar uma boa briga, mas que não quer ver sangue nem ninguém deformado de pancadas. “Os lutadores não gostam de se machucar, e há muitas pessoas que não querem ver o sangue. Elas querem ver uma boa competição, elas simplesmente não querem ver a violência.”

Guerra de Travesseiros

Pois bem, o primeiro campeonato de Guerra de Travesseiros vai ser realizado no dia 29 de janeiro. Serão diversas lutas, com três rounds cada, que serão transmitidas ao vivo nos canais oficias do PFC. Então, a gente aposta que você se preparava para esse esporte na infância e nem sabia, não é mesmo?

Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *