Jennifer Lawrence diz que sua vida sexual anda muito chata!
5 de maio de 2016
Será que o seu casamento vai durar uma vida?
5 de maio de 2016

Conheça o dogging: O prazer do sexo em público

Quando o assunto é sexo o No Pátio já falou sobre muitos temas calientes e apresentou diversos produtinhos para esquentar a relação. Nossa intenção quando trazemos novidades ou dicas é sempre a melhor: Fazer você e o parceiro subirem pelas paredes e deixá-los ainda mais felizes e realizados na cama.

Com tantas matérias sobre sexo, podemos dizer que pouquíssimas coisas nos deixam de boca aberta. Mesmo assim, ficamos de cabelo em pé com o tal do dogging, que é basicamente transar em lugares públicos e com gente olhando – e/ou participando. Fomos pesquisar mais sobre a prática (que é febre na Inglaterra) e descobrimos que ela já começou a pegar por aqui também. E olha que o jeitinho brasileiro é muuuito mais inserido no contexto do dogging.

O nome traz diferentes abordagens, seja pelo fato de ser como levar o cachorro para passear e observar tudo ou mesmo pela similaridade dos cães de rua, que acasalam na hora e local que querem. A verdade é que para boa parte dos modernos, foi-se o tempo em que o carro parado servia para esconder a transa. Pelo contrário. A mais nova mania é transar dentro do automóvel, mas com uma animada platéia ao redor. Quanto mais gente, melhor!

dogging 4

A prática começou nos anos 70 na Inglaterra, onde homens se escondiam para espionar os casais praticando sexo. O dogging vem se expandindo cada vez mais graças a Internet e hoje tem adeptos por todo o mundo como é o caso de países como Polônia, Estados Unidos, Suécia, Canadá, Nova Zelândia e claro, como não poderia faltar, o Brasil é um dos grandes praticantes.

Bem, assim como no voyeurismo, a excitação vem justamente da exposição diante de estranhos e da quebra de regras que é transar em um local totalmente inusitado, no caso, a rua. Agora você deve estar se perguntando: mas em quê isso difere do voyeurismo convencional? Na verdade a única distinção é que no dogging a observação acontece mais de perto e ainda rola a possibilidade de participar do sexo.

Entretanto, diferentemente do que acontece lá fora, no Brasil transar em locais públicos é considerado crime de ato obsceno. Se a polícia te pega, pode dar cadeia. Na gringa não: a não ser que alguém veja e se sinta ofendido, sexo público não é considerado crime por si só. Mas mesmo assim, em São Paulo, os parques Villa-Lobos e Ibirapuera viraram points de dogging. No Rio, casais costumam se encontrar na praia da Reserva. Aqui em Fortaleza estacionamentos de supermercados 24 horas e de shoppings são os melhores lugares para quem quer aderir a pratica.

dogging  5

Como toda e qualquer prática sexual, o  dogging também possui regras que devem ser respeitadas pelos participantes. Os casais são os exibicionistas; o homem do casal tem prazer em exibir sua namorada ou esposa, para os outros homens, que participam espionando a brincadeira e são chamados de voyeurs ou em alguns locais, de gaviões, por andarem “caçando” os casais. A brincadeira sempre começa dentro de um carro, onde os casais transam sob os olhares de quem quiser vê-los, este é o objetivo principal do ato, serem vistos.

Os casais mais tímidos estão ali apenas para praticar o exibicionismo, outros mais ousados, gostam de “repartir” suas mulheres com outros homens e fazer a alegria dos doggers presentes. Os gatos sentem muito prazer em ver suas mulheres sendo possuídas por homens desconhecidos.

Todo bom praticante de dogging tem que obedecer algumas regras, que são simples e bem definidas. Veja algumas das regras que devem ser respeitadas:

dogging  6

– Não seja ansioso, avançando o sinal sem ser convidado, só se aproxime caso o casal demonstre algum sinal de aprovação;

– Aprecie, mas com respeito e vá se aproximando devagar;

– Seja educado, as mulheres adoram elogios e seus maridos sentem-se lisonjeados com o gesto;

– Não importune o casal caso perceba que querem privacidade;

– Respeite a escolha do casal, caso optem por outro dogger para lhe fazerem companhia, afasta-se e não estrague a brincadeira deles fazendo disso um problema, afinal o casal tem direito de escolher a companhia da noite;

– Caso seja convidado para participar da brincadeira seja sempre delicado com a mulher, afinal ela esta te “dando” uma grande oportunidade de diversão;

– Não seja inconveniente seguindo um casal caso ele resolva dar uma voltinha, andando pelo local ou até mesmo em seu carro;

– A brincadeira é para todos, então seja um bom “amigo” dos outros doggers e deixe-os ver também, afinal de contas, amanhã você poderá estar no lugar deles.

dogging  3

Ficou curiosa e quer experimentar? Então aqui vão algumas dicas para integra-se aos demais participantes:

– Se quiser que outro casal te siga, pisque o farol uma única vez e dirija até onde se sentir segura;

– Janelas ou portas abertas significam que os voyeurs podem interagir com o que estiver rolando dentro do carro;

– Piscar a luz interior do carro = você quer que te assistam.

Não importa se é através do dogging, pratica diferente,cheia de adrenalina e excitação, que pode ser inocente se o casal deseja apenas ser visto sem permitir a participação de outras pessoas, ou entre quatro paredes, uma coisa é importantíssima: Não esqueça jamais de usar preservativo! Sexo é bom, mas com segurança é ainda melhor.

Fotos: Reprodução. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *