Cientistas brasileiros criam vacina contra o câncer
23 de novembro de 2011
Fortaleza recebe Fórum Harmônicas Brasil 2011
23 de novembro de 2011

Não é novidade nenhuma que os homens têm mais dificuldade para aderir um novo penteado, ainda mais quando trata-se de tendência de moda. Na hora de cortar os cabelos, eles geralmente são práticos e dificilmente passam horas escolhendo um corte específico. Pelo contrário, quando descobrem um que agrada, o repetem por anos!

Poucos cabelos conseguem fazer a cabeça dos rapazes e quando isso acontece, é porque foi inspirado em alguma celebridade! No Brasil, o corte moicano, que foi adotado pelo jogador Neymar, é um dos modelos que tem sido bem aceitos pelo seus seguidores.

Mas sem dúvida, o mais pedido nos salões do mundo todo é o corte que recebeu do NY Times um nome não muito simpático: ‘juventude hitlerista’. Com as laterais mais baixas ou raspadas e a parte superior com o comprimento maior, o corte resgata o estilo usado pelos seguidores do ditador alemão no período nazista. O jornal publicou uma matéria sobre como o corte tem ganhado as ruas e como o nome politicamente incorreto acabou sendo o que pegou por lá.

No Brasil este nome ainda não pegou, mas a moda, sim! Com franja, penteado para trás, com topete armado ou modelado, as variações do mesmo corte que mantém a lateral curta já faz sucesso na cabeça dos mais moderninhos.

O bom do corte é que ele pode ser usado por vários tipos de homens, por dar um ar jovial e ao mesmo tempo sério por remeter ao militarismo da época! Será mesmo que essa moda pega, qual o seu favorito?

 

Foto: Reprodução.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *