clipes polêmicos
10 clipes polêmicos dos anos 2000, mas que ainda hoje são icônicos
8 de setembro de 2021
como aderir ao hair piercing
Hair Piercing – Como aderir à essa hair trend!
8 de setembro de 2021
bastidores de La Casa de Papel

Em 2017, nós passamos a acompanhar um grupo de assaltantes espanhóis e, de repente, nos vimos viciados na história e torcendo pelos “bandidos”. Pois bem, a série La Casa de Papel arrebatou fãs em todo mundo e não demorou a se tornar um fenômeno pop. Graças a ela, a clássica música Bella Ciao e o artista Salvador Dalí passaram a ser conhecidas, ainda que por mera curiosidade dos fãs em entender o contexto em que eles aparecem na série. Pois bem, na última sexta (03), a primeira parte da temporada final da série estreou na Netflix. E para quem maratonou no feriadão (como a gente!), o clima de saudade já está no ar. Então, trouxemos aqui algumas curiosidades sobre os bastidores de La Casa De Papel. E acreditem: são histórias tão interessantes quanto as que acompanhamos no streaming. Confere só:

Os Despejados em vez de La Casa de Papel

Acreditem se quiserem, mas a história de LCDP poderia ser bem diferente. Isso porque inicialmente, a série não seria nada parecida com o que vimos na Netflix. A ideia não era focar no assalto e sim, na situação dos personagens logo antes de serem recrutados pelo professor para realizar o grade crime. A série iria se chamar Los Desahuciados, algo como Os Despejados. Ainda bem que mudou, hein?

Recusa da Casa da Moeda e do Banco da Espanha

Ainda antes das filmagens, a Casa da Moeda e Timbre espanhola e o Banco da Espanha se recusaram a dar assessoria ou qualquer tipo de ajuda à produção. Isso porque eles leram o roteiro da série e acharam que ela não seria positiva para as instituições. Tanto é que as fachada da casa da Moeda que aparece na série não é real. na verdade, se trata da frente do edifício do Conselho Superior de Investigações Científicas de Madri. Com isso, as cenas tinham que ser gravadas somente aos finais de semana.

Desbancando a brasileira 3%

La Casa de Papel foi originalmente produzida pela Antena 3, uma rede espanhola, e somente depois foi comprada pela Netflix. Ao ser lançada, em 2017, a série logo alcançou o posto de série de língua não-inglesa mais vista da plataforma. Até então o título pertencia à brasileira 3%.

4. Uma outra mulher

Inicialmente, a equipe de assaltantes teria apenas uma mulher: Toquio. A atriz Alba Flores interpretaria apenas uma testemunha dos assaltos. Mas ao vê-la completamente envolvida com o papel, a equipe achou que seria interessante ter mais uma mulher na equipe de assaltantes, e deu a ela o papel de Nairobi. Inclusive, algumas cenas que originalmente eram de Toquio foram dadas a Nairobi.

Tiroteio profissional

Uma detalhe curioso dos bastidores de La Casa de Papel ocorreu logo no primeiro episódio. Os atores da série não estão por trás da máscara do tiroteio que ocorre no episódio piloto. Na verdade, são atiradores profissionais que realizam a cena.

Dinheiro de jornal

Todo o dinheiro que vimos na série foi impresso em um único local – e definitivamente não foi a Casa da Moeda espanhola. As cédulas são total de papel jornal e foram impressas na sede de jornal ABC.

A meticulosidade imperava nos bastidores de La Casa de Papel

A produção da série tomava cuidados em absolutamente todos os aspectos a fim de garantir que ela seria um sucesso. Uma das maiores preocupações foi com o primeiro episódio, pois eles sabiam que ele seria de suma importância para conquistar o público de cara. Acreditem, ele chegou a ser gravado 52 vezes até que a equipe achasse que estava bom o suficiente.

A cena mais longa da vida

Ainda sobre o episódio piloto, o desejo de perfeição era tão grande que levou as equipes a trabalharem por horas a fio e os atores tinham que refazer várias vezes as cenas. Para dar uma dimensão do cuidado da equipe de direção, a cena em que o Professor convence Toquio a se juntar ao time durou cerca de cinco horas para ser gravada!

Vidro de Açúcar

Em meio a tantas cenas de tiros, vidros quebrados são uma constante, certo? Mas, o que pouca gente sabe é que não se tratam de vidros reais. Eles são feitos de açúcar a fim de evitar que alguém se machuque durante as gravações.

Definitivamente La Casa de Papel é uma dessas séries que vai deixar saudades…

Fotos e vídeos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *