10 alergias bizarras que mostram como espirrar com poeira não é nada de mais
17 de maio de 2022
Abertas inscrições para Seminário de Preservação de Vidas no Trânsito
18 de maio de 2022

Dijjo Lima, cearense colorista da Marvel, falece aos 34 anos

Quem trabalha com universo de desenhos, quadrinhos e afins certamente sonha em trabalhar com grandes empresas como a Marvel ou a DC Comics. Afinal, elas são as responsáveis pelas histórias em quadrinhos mais populares ainda hoje, como Batman, Superman, Capitão América, Homem-Aranha e vários outros. Não à toa que vários desses heróis ganharam seus filmes e séries. Pois bem, o cearense Dijo Lima acabou chamando a atenção de uma dessas editoras e se tornou colorista da Marvel! E, infelizmente, o artista faleceu no último domingo (15).

Diego Lima, mais conhecido como Dijjo Lima, já trabalhavam com grandes editoras internacionais, dentre elas Hasbro, Titan Comics, Dynamite, e até mesmo já produziu aventuras para a Lego. Ele conta que desde criança é apaixonado por quadrinhos e, sempre que podia, dava lá suas rabiscadas. Porém, Lima trabalhou com outras coisas até, enfim, poder dedicar-se exclusivamente aos quadrinhos.

Dijjo Lima

Dentre alguns de seus trabalhos antes de ser colorista da Marvel, estão personagens como a ícone Vampirella (de Forrest J Ackerman e Trina Robbins) além de criar algumas artes para Doctor Who e Assassins Creed Origins, pela inglesa Titan Comics. Mas foi em 2018, pelo projeto realizado na série Torchwood, que o cearense foi eleito entre os cinco melhores coloristas do mundo no prêmio Ringo Awards.

Dijjo Lima

Dijjo Lima sofreu mal súbito

Em 2021, a Marvel resolveu lançar um projeto chamado Marvel’s Voices. Nele, ela homenageia personagens latinos da Casa das Ideias. E foi para este projeto que Dijjo Lima foi convidado pela editora para participar. O artista ficou responsável pelas aventuras de Nina – a Conjuradora e America Chavez. Mas ele não foi o único cearense nesse projeto não… Além do colorista da Marvel, os cearenses Wilton Santos e Adriana Melo também foram convidados a trabalhar como desenhistas no Marvel’s Voice. “Quadrinho é vida. Pode mudar financeira e profissionalmente muito jovens. Eu não trabalho, me divirto”, declarou ele em entrevista ao Diário do Nordeste.

Mas infelizmente a carreira brilhante de Dijjo foi interrompida abruptamente no último domingo (15). De acordo com a esposa do artista, Dijjo passeava com seus cães quando teve um mal súbito. Ele chegou a ser socorrido ao hospital, mas infelizmente não resistiu.

Fotos: Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *