Sebrae e Prefeitura de Fortaleza discutem ações para os pequenos negócios
16 de março de 2021
Gucci anuncia que agora é Carbon Neutral
17 de março de 2021

Dragão do Mar celebra Dia do Teatro e do Circo

Em celebração ao Dia Nacional do Circo e o Dia Mundial do Teatro, comemorado no dia 27 de março, o Centro Dragão do Mar traz, entre 17 e 31 deste mês, uma série de apresentações artísticas voltadas para essas duas linguagens. Os espetáculos serão exibidos sempre a partir das 19h, nos canais do Dragão do Mar.

Abrindo a programação, na quarta (17), o grupo Fuzuê apresenta o “Desabituar”. Produzido em casa pelos artistas circenses Edmar Cândido e Eric Vinicius, o espetáculo propõe uma conversa sobre como reabitar os espaços, ressignificar a morada dos afetos e reconectar a casa e o mundo.

Na quinta-feira (18), “Trama de Gato”, dos artistas Zéis e Diego Landin, faz um diálogo experimental entre as obras “Gato Preto” e “Mundo Cão”, solos originalmente dissociados, interpretados pelos atores a partir de suas casas, mas que, por terem temáticas e estilos semelhantes, atualizam-se em uma escala poética-política. Enquanto “Gato Preto” relata o processo de degeneração mental de um personagem, que vai da docilidade no trato com os bichos até a subjugação e o assassinato dos mesmos, “Mundo Cão” aborda a relação conflituosa entre um personagem e um cachorro. “Trama de Gato” costura as duas narrativas, conduzindo o espectador por um percurso pelos sentimentos mais primitivos.

No domingo (21), será a vez da Oficarte (Oficina de Arte Teatro & Cia) apresentar “À Deriva dos Afetos”. Montado pela primeira vez em 1993, com texto do dramaturgo André Amaro, o trabalho é revisitado pelo grupo, agora experimentado com interação virtual entre os atores. A peça traz uma perspectiva existencialista sobre a busca desenfreada pela felicidade e para se alcançar um ideal impreciso de realização.

Com exceção da primeira e da última apresentação, que estreiam no IGTV do Centro Dragão do Mar (instagram.com/dragaodomar), os demais trabalhos poderão ser conferidos no YouTube (youtube.com/dragaodomarcentro), com acesso gratuito.

Fonte: Secult / Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *