Elizabeth Savala em A.M.A.D.A.S no Teatro do Via Sul Shopping
21 de julho de 2015
Os não recicláveis dos recicláveis
22 de julho de 2015

Fundador da Fiorucci, Elio Fiorucci morre aos 80 anos

A semana começou com uma notícia triste para o mundo da moda. Aliás, o mês de julho está sendo um mês de má sorte para os estilistas. No início do mês, faleceu Christian Aldigier, da Ed Hardy e Von Dutch. Agora, Elio Fiorucci morre aos 80 anos, da marca homônima Fiorucci, na última segunda-feira, em sua casa, em Milão. O estilista não padecia de nenhuma doença. Sua assessoria divulgou que ele pode ter sido vítima de um mal súbito. Aos 80 anos, Elio tinha um nome de peso na indústria na qual trabalhou. Foi ele que levou o Swinging London para Milão. Quando grifes como Versace e Prada ainda estavam construindo seus impérios, ele pôs sua própria marca em um patamar mundial, tendo aberto sua primeira loja na década de 60. O boom foi nos anos 80 e, por falar neles, o estilo da Fiorucci tinha muito daquela época. Colorida, divertida e sexy, a moda fazia bastante sucesso ao redor do mundo, pois tinha filial nas cidades mais importantes, como Londres e Nova York. Os preços acessíveis tornavam a marca ainda mais cativante. Quem não lembra da etiqueta dos dois anjinhos? No Brasil, a grife chegou sob a administração de Gloria Kalil, nos final dos anos 70 e foi a primeira grife de fora a aterrissar por aqui.

fiorucci-brand

Responsável por destacar diversas tendências (como animal print, jeans skinny e militarismo/camuflagem), a Fiorucci acabou perdendo seu status devido a uma má gerência, o que motivou sua venda a um grupo japonês, em 1990. Desde então, nenhuma outra coleção ou campanha teve o mesmo impacto ou visibilidade de antes.

O estilista também se dedicava às suas outras marcas: Love Therapy e Baby Angel cujo estilo se assemelhava à Fiorucci, com pitadas de vintage e contemporaneidade (o site da Baby Angel é super divertido e interativo, com um estilo bem jovem!). Com sua morte, não se sabe quem ficará à frente de seus projetos.

Uma pena, hein, gente? Mais uma triste baixa para a moda…

 

Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *