Cine Onda, o 1º Festival de Cinema Esportivo ao Ar Livre, está chegando!
11 de janeiro de 2017
Calendário Fashion – As datas das principais semanas de moda em 2017!
11 de janeiro de 2017

Gravidez: Saiba quais são as principais mudanças nos seios

A descoberta da gestação, em geral, ocorre depois do atraso menstrual. Com o passar das semanas a barriguinha vai ganhando destaque e não para de crescer, mas não é só isso que muda visivelmente no corpo da mulher durante a gestação. A fase da gravidez proporciona muitas mudanças no corpo da futura mamãe, uma delas é o aumento do volume e sensibilidade dos seios, deixando-os doloridos.

Para que você entenda melhor o que vai acontecer durante os nove meses de gravidez, o Pátio Hype listou as principais mudanças nos seios da mulher que está prestes a realizar o sonho da maternidade. Mas a princípio, fique certa: os seios não serão os mesmos!

1. Sim, tudo cresce

mudancas-nos-seios-2

É comum que o sutiã varie de um a dois números para cima na gravidez, especialmente se este for o seu primeiro filho. Isso acontece devido ao aumento das camadas de gordura da pele e, embora muitas vezes desconfortáveis, essas transformações têm um importante propósito: preparar os seus seios para a amamentação. Mas, não fique apavorada se os seus seios não crescerem muito na gestação. Cada mulher tem uma genética, e o tamanho dos seios não influi no sucesso da amamentação.

2. As veias ficam mais aparentes

Com o tempo, a gravidez deixa os seios mais pesados devido o aumento do fluxo de sangue e a expansão do tecido glandular, mas não é só isso! Mamilos mais avantajados e veias mais visíveis debaixo da pele também se tornam mais evidentes.
3. Doem e podem começar a vazar
Todo o sangue, inchaço e retenção de líquido podem levar os seios a doerem demais por volta da quarta semana de gravidez. E não para por aí as mudanças nos seios: a auréola fica mais larga e escura, resultado dos altos níveis de estrógeno, e você pode notar um líquido sair do seu mamilo. É o colostro, um leite inicial que a mulher produz durante a gravidez e nos primeiros dias depois do parto. Ele é concentrado e grosso e pode secar e ficar em torno dos mamilos.

4. Surgem as temidas estrias

mudancas-nos-seios-3

Assim como o colostro, igualmente normal é o surgimento das desagradáveis estrias na região dos seios. Isso acontece porque o aumento no tamanho dos seios faz com que a pele seja esticada e, infelizmente, isso deixa marcas de estrias.

5. Eles não voltarão a ser o que eram

Algumas mães temem que após o desmame os seios fiquem com um formato muito diferente do que eram antes da gestação. Mas não é preciso se preocupar. Quando o pequeno desmama, as glândulas mamarias voltam a ser substituídas por gordura e os seios voltam ao tamanho e forma aproximados ao de antes da gestação. Mas conscientize-se: eles não voltarão a ser o que eram.

As mudanças nos seios são mais percebidas durante o primeiro trimestre da gravidez, mas persistem por toda a gestação. Isso tudo  faz parte do período preparatório para a realização do grande sonho da maioria das mulheres e o que pode ser feito para amenizar o que está por vir é investir em sutiãs próprios para esse período, óleos corporais e o que mais existir no mercado.

Fotos: Reprodução. 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *