Saiba como enlouquecer cada signo na cama!
25 de junho de 2020
Ceará indígena em aldeias Virtuais
26 de junho de 2020

Librefix, a plataforma de streaming gratuita, independente e alternativa

Desde que foi lançada, a Netflix mudou completamente a forma como as pessoas assistem TV e consomem conteúdos online. Porém, mesmo não tendo comerciais ou outras chateações da TV em si, ela ainda tem algumas restrições. Para alguns, o preço. Para outros, o conteúdo. Pois bem, já pensaram em uma plataforma de streaming gratuita, independente e que trouxesse uma variedade de opções alternativas tanto a programação regular da TV quanto da própria Netflix? Pois agora com vocês, conheçam a Librefix!

Existindo no mercado já há três anos, a Librefix busca ser uma plataforma de streaming gratuita e baseado na cultura livre. Ou seja, que distribui conteúdos gratuitamente tanto para quem assiste quanto para quem compartilha. Isso sem prejudicar os direitos autorais, claro. Com a Librefix, praticamente qualquer pessoa pode publicar suas produções audiovisuais. Basta acessar a plataforma, criar uma conta no serviço e enviar o material. Mas vale ressaltar que ele não é adicionado ao catálogo automaticamente. Uma equipe avalia a obra antes de disponibilizá-la ao público.

Librefix

Filmes como o curta-metragem Eu Não Quero Voltar Sozinho, que deu origem ao longa Hoje Eu Quero Voltar Sozinho, indicado a representar o Brasil no Oscar em 2014 estão por lá. Mas, segundo o site CanalTech, o principal acervo da Libreflix é de não ficção: os documentários respondem por 75% das obras disponíveis. Do total, 70% são longa-metragens, e o restante se divide entre curtas (20%) e séries (10%). Títulos brasileiros são 25% do acervo.

E sabem a melhor parte: a Librefix é uma criação 100% brasileira! A ideia foi do estudante de engenharia de computação Guilmour Rossi, de Curitiba. Ou seja, além de ter conteúdos diferenciados para consumir, você ainda valoriza a produção nacional! E aí, já sabe onde procurar aquele filme alternativo e diferente para curtir de  vez em quando, hein?

Fotos e vídeo: Reprodução

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *