Últimos episódios de La Casa de Papel
Últimos episódios de La Casa de Papel ganham trailer emocionante
14 de outubro de 2021
Projeto Pôr do Sol Fortaleza faz alusão ao Outubro Rosa
15 de outubro de 2021

Orgulho Além da Tela: a produção da Globo sobre personagens LGBTs que marcaram a história

O Mês do Orgulho LGBTQIA+ já passou, mas todo dia é dia de celebrar a diversidade e combater o preconceito. E na onda de mostrar a evolução em termos de diversidade, a Rede Globo lançou essa semana uma minissérie para lá de interessante. Estamos falando de Orgulho Além da Tela, uma produção voltada a mostrar personagens LGBTs que marcaram a história da dramaturgia e da emissora.

Orgulho Além da Tela conta com 3 episódios. Ao longo desses episódios, a série faz uma retrospectiva sobre importantes e marcantes personagens LBGTs que passaram pelos programas da Rede Globo, desde seu princípio, seguindo até os dias atuais. E, paralelamente, mostra como a pauta LGBTQIA+ foi evoluindo na sociedade enquanto reflete essa evolução mostrada nas telinhas. Para isso, além das entrevistas, a série ainda traz bastidores e curiosidades sobre como personagens LGBTs foram retratados e suas histórias foram contadas. Inclusive, na série descobrimos o que aconteceu com a famosa cena do beijo gay gravado para América, ams que nunca foi ao ar.

“O recorte foi feito em cima de personagens que tiveram mais espaço dentro das novelas. E que foram importantes para criar um diálogo com a sociedade. A gente começa com o primeiro personagem, feito pelo Ary Fontoura em 1970. E, a partir daí, vamos destacando outros que fizeram essa história avançar”, contou a diretora geral Antônia Prado em entrevista ao portal Observatório G.

Ficção e realidade juntas

Personagens marcantes como Felix (vivido por Mateus Solano), de Viver a Vida, e o desfecho emocionante entre ele e seu pai (vivido por Antoni Fagundes), é só um de vários exemplos de como a produção pretende mostrar a importância da pauta nas televisões brasileiras. Além de mostrar personagens LGBTs, Orgulho Além da Tela também traz entrevistas e depoimentos. Autores, atores e outros pessoas envolvidas com as produções realizadas pela emissora falam sobre como foi trabalhar este tema.

Orgulho Além da Tela

Então, segundo o redator da série Lalo Homrich, mais de 50 pessoas foram entrevistadas. Mas quem esteve do outro lado das telinhas também não ficou de fora. Isso porque espectadores e fãs de novela também foram entrevistados para falar sobre como suas vidas afetadas por personagens LGBTQIA+.

A diretora geral finaliza explicando que a série vai abordar o tema em diferentes níveis. “O documentário traz três camadas diferentes em todos os episódios. A primeira é quase uma enciclopédia desses personagens e como eles foram retratados, com cenas da época e um recorte cronológico. Na segunda, autores, diretores, atores e pessoas envolvidas com a obra falam do backstage das cenas, contando um pouco sobre o fazer televisão e curiosidades de cada novela. E a terceira camada são as pessoas LGBTQIA+ e seus familiares que mostram o impacto das novelas nas suas vidas, deixando claro como a arte se inspira na vida e como a vida pode ser impactada pela arte”.

Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *