Conheça o Rakuten Viki, streaming especializado em doramas
16 de maio de 2022
Banheiros e lavabo – 5 dicas para decorar e harmonizar o ambiente
16 de maio de 2022

Pesquisadores brasileiros criam cerveja saudável

cerveja saudável

Entre muitos brasileiros — na verdade, entre muitas pessoas no mundo todo — a melhor pedida após ter um dia difícil no trabalho é, sem dúvidas, chegar em casa e tomar uma cervejinha. Afinal, essa bebida refrescante também é reconfortante e traz a sensação de bem-estar para quem gosta. Por outro  lado,  o consumo em excesso de bebida alcoólica traz graves prejuízos ao organismo, sem contar nos prejuízos sociais que a dependência da bebida pode trazer. Mas e se existisse uma cerveja saudável, que além de praticamente não conter álcool, ainda faz bem para o nosso organismo?

Cerveja saudável

Deborah Oliveira De Fusco e Gustavo Henrique de Almeida Teixeira são pesquisadores da Universidade Estadual Paulista (Unesp) em Araraquara. Eles resolveram transformar a cervejinha do dia a dia em algo menos prejudicial. Para isso, eles alteraram o processo de fermentação da bebida, conseguindo transformá-la em um isotônico. Ou seja, a “cerveja saudável”, por assim dizer, é capaz de repor eletrólitos, além de possuir sais minerais e nutrientes, ideal para ser consumida após a prática de exercícios.

Como a cerveja saudável é feita

Assim como qualquer cerveja, tudo começa com o processo de fermentação. Porém, neste caso, a fermentação é interrompida no segundo dia após a adição das leveduras. Por isso, o teor alcoólico da cerveja saudável é inferior a 1%, enquanto a das cervejas tradicionais varia entre 4% e 10%.  Além disso, sódio e potássio também são adicionados à bebida. Com essas modificações, a cerveja saudável passa também a ter propriedades antioxidantes que retardam o envelhecimento das células. 

Cerveja saudável

“Esses compostos presentes na cerveja irão atuar, de maneira semelhante aos compostos antioxidantes que são ingeridos em nossa dieta, que é quando comemos uma fruta ou verdura”, comenta o professor Gustavo Henrique de Almeida Teixeira, responsável pelo estudo dos antioxidantes na cerveja, em entrevista à revista GALILEU.

A cerveja saudável já está patenteada e pode ser fabricada por qualquer cervejaria. Mas, infelizmente, até o momento nenhum contrato foi fechado entre os desenvolvedores do produto e qualquer marca de  cerveja produzida no Brasil. Mas o que essa gente está esperando para produzir? 

Fotos: Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *