Férias no Dragão traz opções virtuais
20 de janeiro de 2022
Banheiros Pequenos – Dicas para otimizar cada centímetro do espaço!
20 de janeiro de 2022

Procuradoria Especial da Mulher visa ampliar atendimentos

Com o objetivo de ampliar os atendimentos e fortalecer o enfrentamento a violência contra a mulher, a Procuradoria Especial da Mulher da Assembleia Legislativa (PEM), liderada pela deputada Augusta Brito (PCdoB), iniciou um processo de reestruturação, com nova sede, criação de núcleos e aumento das ações.

A partir deste ano, devem iniciar atividades quatro novos núcleos ao já instalado de Enfrentamento a Violência contra a Mulher. São eles: o de participação da mulher na política; de engajamento dos homens pelo fim da violência contra a mulher; de promoção da igualdade gênero-racial e o de apoio a egressas e apenadas, iniciam as suas atividades. Além disso, após a mudança para a nova sede, será lançado o Observatório da Violência contra a Mulher da Assembleia Legislativa do Estado.

O Núcleo de Enfrentamento à Violência contra a Mulher, primeiro a desenvolver ações, realizou, no ano passado, 140 atendimentos e 53 acompanhamentos de casos, entre março e novembro, segundo levantamento da PEM.

.

Na área de assistência jurídica e recebimento de denúncias de violência contra a mulher, foram acompanhados 26 casos e realizados 72 atendimentos, abrangendo municípios de Fortaleza, Sobral, Graça, Limoeiro do Norte, Viçosa do Ceará, Caucaia, Russas, Tianguá. Beberibe, Pacatuba e São Gonçalo do Amarante.

Já na assistência social da Procuradoria Especial da Mulher, foram 10 casos e atendidas 28 pessoas, beneficiando os municípios de Fortaleza, Viçosa do Ceará e Horizonte.  Outros 17 acompanhamentos de casos e 40 atendimentos realizados foram de assistência psicológica em Fortaleza, Viçosa do Ceará, Horizonte e Russas.

A ferramenta Zap Delas, criada em medos de 2021, por sua vez, realizou 255 atendimentos entre junho e dezembro de 2021. O número de WhatsApp foi lançado em 14 de junho para ampliar ainda mais as opções das mulheres na procura de ajuda em situações de vulnerabilidade e agressões sofridas de várias formas. 

Um conjunto de estratégias que visam proteger a integridade e garantir os direitos das mulher da nossa região!

Fotos: Reprodução / Fonte: Assembleia Legislativa
Pátio Hype

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *