Vídeos mais acessados da semana
4 de julho de 2013
Paolla Oliveira aparece sexy em nova campanha de moda
4 de julho de 2013

Saiba como evitar o chulé!

Cuidados diários evitam o problema desagradável

CHULE

Problemas com suor em excesso, estresse ou simplesmente o excesso de calor podem levar ao malcheiroso chulé. “A falta ou a má higienização dos pés e o calor retido nos calçados propiciam o crescimento bacteriano”, explica a dermatologista Márcia Grieco, do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos. “Por esse motivo os homens, que usam calçados fechados durante a maior parte do tempo, têm mais chances de apresentar bromidrose”.

Confira abaixo algumas dicas para não ter chulé:

– Dê atenção à higiene dos pés, lavando-os com sabonete, bucha ou escova.

– Seque bem os pés entre os dedos com papel higiênico.

– Use sapatos arejados de couro ou pano para ficar em casa.

– Evite sapatos sintéticos, meias de nylon, solados e calçados de borracha ou plástico. Os forros devem ser de couro ou algodão.

– Não use o mesmo sapato todos os dias.

– Use talcos antissépticos sempre após o banho.

– Após o uso, coloque os calçados para secar em locais arejados e ensolarados.

– Se observar a existência de descamações entre os dedos, fissuras ou bolinhas, procure um dermatologista para checar a presença de fungos, micoses ou bactérias.

 

Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *