Memes da semana (de 10 a 16 de março)
16 de março de 2018
Empresa cria garrafa tecnológica para combater as garrafinhas de plástico
16 de março de 2018

Saiba os segredos para tomar uma boa decisão!

Bom, inicialmente, para tomar decisões você precisa ter em mente duas ideias básicas. Como as várias escolhas podem mudar a probabilidade dos resultados diferentes e até onde cada um desses resultados é desejado.

Para entender melhor sobre o que a equipe do Hype está falando, você pode conferir as três regras do Ajay Agrawal, Joshua Gans e Avi Goldfarb, especialistas em probabilidade e previsão, autores de vários livros sobre o assunto.  Ao segui-las você poderá prever as consequências de suas escolhas e verificar se são desejáveis. Confere aí!

1.Duvide mais

A dica do psicólogo Daniel Kahneman, ganhar do Nobel de economia, é ser menos confiante. Pois as pessoas, principalmente homens, de grande poder e especialistas, tendem serem mais confiantes em um processo do que deveria. Ser menos inseguro, torna-o mais respeitoso, faz com que você tenha visões diferentes de certo plano, assim com reduz a sua certeza de estar sempre correto. Portando, não seja excessivamente confiante.

2.Pergunte-se

O segundo conselho é: sempre pergunte para si “quanto tempo aquilo normalmente leva?”. Por exemplo, se você está pensando em abrir um estabelecimento, reflita sobre quantos empresários fracassaram naquele local, assim como quantos alcançaram o sucesso. Do mesmo modo que você deve pensar nas consequências do futuro quando se trata de sair do atual emprego e ir para uma área completamente diferente. Dessa forma você irá ter vários campos de visão e se preparar para cada um deles, antes de decidir qual o melhor.

3.Invista na probabilidade

Segundo as pesquisas, as pessoas que dedicam um pouco do seu tempo a probabilidade tendem a ter mais decisões certas e tem um auxílio a evitar determinadas tendências cognitivas. Comece estudando 30 minutos por dia sobre o tema, ele possibilitará uma melhora na maneira de pensar e aperfeiçoará a sua incerteza. Lembrando que essas regras só funcionam se você praticá-las, Ok?

Pessoas excessivamente confiantes não seguem as três regras acima, que tal começar fazendo esses testes e adquiri-las ao seu cotidiano?

Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *