ingressos para o Rock in Rio
Pré-venda de ingressos para o Rock in Rio 2022 já estão disponíveis para venda
22 de setembro de 2021
A idade chegou!? – Dicas para encarar a longevidade sem stress
22 de setembro de 2021

Quem nunca adiou uma responsabilidade para o último segundo não sabe o que é aventura, não é mesmo? Esse péssimo hábito faz parte da rotina de muita gente e acaba incomodando quem gostaria de mudar. Pensando nisso, o Pátio Hype trouxe 3 dicas para você conseguir enganar o cerébro e parar de procrastinar. Dá só uma olhada!

Antes de mais nada, quem procrastina está com o cérebro condicionado a isso. Mas, é claro que existem maneiras de acabar com essa condição, permitindo que você se liberte desse sufoco causado pela rotina.

procrastinar

1 – Qual é o seu tipo de procrastinação?

Em primeiro lugar, é preciso entender que existem dois tipos de tarefas comprometidas pela procrastinação:

O primeiro tipo, são aquelas tarefas relacionadas a prazos e trabalho, como um projeto que tem que ser feito até o mês que vem ou um relatório semanal da empresa, por exemplo. Já o segundo tipo, são aquelas tarefas que deveriam ser feitas dia após dia para alcançarmos um objetivo maior.

Ainda assim, Fagner Borges, criador do movimento Freesider, afirma que: “a principal diferença entre eles é que o primeiro tipo você vai acabar fazendo em cima da hora, e o segundo tipo vai ficar pra trás e te impedir de avançar nos seus objetivos.

Vale lembrar, que quando você tem pouca coisa para fazer e tempo de sobra, a preguiça aumenta e você tende a procrastinar cada vez mais.

No entanto, quando você tem muito trabalho e pouco tempo, as obrigações acabam sendo feitas nos prazos, já que seu cérebro sabe que não vai ter mais do que aquele curto período para terminar os trabalhos.

procrastinar

2 – Complete as lacunas

O grande problema de qualquer procrastinador é o tempo, não é verdade? Sendo assim, se não tiver tempo livre, não existe procrastinação. Por isso, completar as lacunas da agenda e incrementar o número de atividades e compromissos semanais é uma ótima opção!

Feito isso, você aumenta a sua produtividade, engana seu cérebro e dá menos temo a ele, se forçando a concluir mais objetivos em menos tempo.

Além disso, fazer mais tarefas não quer dizer fazer tudo de qualquer jeito, ok? É importante se concentrar totalmente na tarefa a ser feita e deixa para depois toda e qualquer distração. Nada de dar uma olhadinha no feed do instagram ou ver tik-tok durante os compromissos, combinado?

Por outro lado, também é importante dar uma atenção para as atividades que vão ser escolhidas. Até porque, completar as lacunas não quer dizer trabalhar ainda mais! Aproveite esse tempo extra para fazer coisas que lhe façam bem, como um exercício, tempo em família ou um hobbie.

3 – Tenha Foco e diga não ao ato de procrastinar

Lembre-se que o nosso cérebro é preparado para nos proporcionar prazer, e geralmente a zona de conforto causa essa sensação. Mas, é preciso analisar se esse “conforto” momentâneo realmente é mais prazeroso do que o seu futuro, não acha?

As vezes estudar para uma prova parece cansativo e a cama e a netflix soam muito mais atrativas. Porém, um bom desempenho na faculdade pode abrir portas que irão lhe fornecer um conforto muito maior, por exemplo.

Por fim: “Você precisa associar tanta dor ao fato de não estudar e não investir seu tempo em algo que vai te dar liberdade no futuro, que seu cérebro vai perceber que é melhor realizar essas tarefas”, explica Fagner.

E aí, curtiu? Conta para a gente o que achou e comenta aqui embaixo se você também tem o Péssimo hábito de procrastinar. Lembre-se de visitar o Pátio Hype regularmente para ler mais matérias como essa. Até a próxima!

Fotos: reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *