Sexonambulismo – Conheça as características deste distúrbio e por que ele é tão polêmico!
6 de dezembro de 2018
II ComuniCâmara promove integração com as diversas linguagens na Internet e Assessoria de Imprensa
6 de dezembro de 2018

Alô Hypers! Hoje é dia de compartilhar por aqui boas notícias na área da saúde! Isto porque os Hemocentros Regionais de Sobral e Crato, unidades do Centro de Hematologia e Hemoterapia (Hemoce) do Governo do Ceará, acabam de conquistar a certificação de qualidade da ISO 9001:2015! A certificação garante a eficácia do Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ) em padrão internacional. Os hemocentros regionais foram avaliados entre os dias 30 de novembro e 4 de dezembro, pelo auditor Eduardo Tortorette, da empresa QMS Certification Services, organização de origem australiana com atuação global que atesta a qualidade no padrão ISO.

Durante a auditoria, foram avaliados setores do ciclo do sangue como triagem, pré-triagem, coleta, armazenamento, processamento, imuno-hematologia, captação de doadores, ambulatório de transfusão, laboratórios e áreas de apoio. Foi avaliado o cumprimento dos critérios de qualidade e segurança em padrões internacionais. Em todas as áreas, o Hemoce obteve êxito em seus processos e apresentou nenhuma não-conformidade.

“Essa conquista é muito importante não só para toda a equipe do Hemoce, como para a população cearense. Ter a certificação da ISO em uma unidade pública e no interior do Estado só traduz o imenso compromisso que a gente tem de oferecer um serviço com alto padrão de qualidade. O resultado é mérito de um esforço coletivo, onde a gente busca ultrapassar as dificuldades, desafios e melhorar cada dia mais”, diz a diretora-geral do Hemoce, Luciana Carlos.

A sede do Hemoce em Fortaleza é certificada desde 2012 e está no terceiro ciclo de renovação. A expectativa é que no ano de 2019 os Hemocentros Regionais de Iguatu e Quixadá também sejam avaliados pela ISO 9001:2015. “Nós começamos aqui em Fortaleza já considerando como uma grande conquista e agora estamos conseguindo expandido para o interior com êxito em Sobral e Crato. Nossa expectativa é que até o final do próximo ano, toda a hemorrede pública do Ceará tenha reconhecimento no alto padrão de qualidade”, declara Luciana Carlos.

Certificação

Desde 2012, o Hemoce recebe a certificação da norma ISO 9001, versão 2008 no Sistema de Gestão da Qualidade no Ciclo do Sangue para os Processos de Captação de doadores, triagem, coleta, processamento, sorologia, imuno-hematologia, armazenamento, transporte, ambulatório de transfusão e distribuição. Com a atualização da ISO 9001:2015, a renovação foi alcançada pelo Hemoce. Em 2016, o escopo (áreas para análises) foi ampliado e agora abrange todas as áreas do Hemoce Fortaleza. A certificação da norma ISO é conferida a instituições no mundo todo que se destacam pela excelência de seus processos e serviços após análises de resultados e auditorias, que indicam se os critérios da Norma Internacional foram atendidos.

Norma ISO

A ISO é uma entidade de padronização e normatização que foi criada em Genebra, na Suíça, em 1947, para manter a qualidade permanente de produtos e serviços através de um conjunto de ações preventivas. O nome ISO vem da sigla de International Organization for Standardization (Organização Internacional para Padronização).

A ISO 9000 designa um grupo de normas técnicas que estabelecem um modelo de gestão da qualidade para organizações em geral, qualquer que seja o seu tipo ou dimensão. A sua função é a de promover a normatização de produtos e serviços, para que a qualidade dos mesmos seja permanentemente melhorada. As normas foram elaboradas por meio de um consenso internacional acerca das práticas que uma organização deve tomar a fim de atender plenamente os requisitos de qualidade total.

 

 

Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *